A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

20/02/2008 15:19

Assentamentos geram multa de R$ 1,9 milhão ao Incra/MS

Redação

O Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária foi multado em cerca de R$ 2 milhões por constituir projetos de assentamento em Mato Grosso do Sul sem providenciar as licenças ambientais nos órgãos competentes. A punição foi aplicada pela Superintendência Regional do Ibama (Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis), e se refere a projetos dos anos de 2005 e 2007, em Chapadão do Sul, Nova Andradina e Ponta Porã.

Reginaldo Yamaciro, chefe de Fiscalização do Ibama, informou que os três processos têm peculiaridades que aumentaram o valor da punição. No caso de Chapadão do Sul, o Ibama constatou a inexistência de licenciamento ambiental para o projeto de assentamento da fazenda Mateira, criado em 2005. A multa nesse caso chegou a R$ 200 mil. Em 2007, o mesmo problema levou à aplicação de multa no valor de R$ 700 mil sobre o assentamento Teijin, em Nova Andradina.

O chefe de Fiscalização detalhou que, em ambos os casos, os assentamentos foram constituídos em áreas de vegetação florestal (arbórea).

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions