A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

23/12/2008 16:56

Aumento do tráfego nas BRs do Estado já chega a 30%

Redação

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) informou que o movimento das estradas federais de Mato Grosso do Sul já aumentou em cerca de 30%, na BR-163, na região de Dourados, o fluxo já é 50% maior. Segundo a PRF, houve um aumento significativo do número de carros de passeio, e ônibus e microônibus de passageiros, a maioria deles transportando famílias que saíram de férias.

A Polícia pede cautela aos motoristas na hora de fazer a ultrapassagem. Para quem ainda não pegou a estrada a PRF destaca que é imprescindível uma revisão no veículo, com atenção especial para os pneus, freios e suspensão.

Independentemente da experiência do condutor, a Polícia Rodoviária Federal pede mais paciência e prudência, pois as infrações mais registradas são relativas às ultrapassagens proibidas, os excessos de velocidade.

A Polícia ainda alerta aos motoristas que as condições de direção em uma viagem são muito diferentes das que os motoristas enfrentam em perímetro urbano. Nas estradas tem-se de dirigir por um longo período de tempo e com velocidade acima da que se está acostumado.

Água - A maior preocupação da Polícia Rodoviária Federal, no entanto é com as chuvas durante o feriado. Para todo Mato Grosso do Sul a previsão é de tempo parcialmente nublado. Com pancadas de chuva isoladas e trovoadas

A PRF recomenda aos motoristas que, sob chuva, reduzam a velocidade, aumentem a distância do veículo à frente e acendam os faróis.

Um dos maiores problemas provocados pela chuva é a aquaplanagem, situação em que o veículo perde a aderência dos pneus com o solo. Nestes casos, o motorista deve utilizar o freio motor (redução da velocidade com a utilização do câmbio) e não acionar o freio, que pode provocar derrapagens. Caso o motorista seja surpreendido por chuva muito forte, que cause redução de visibilidade, é fundamental que se utilize o sistema de iluminação do veículo e siga em velocidade compatível até alcançar local seguro de parada, como os recuos e postos de gasolina.

Muitos acidentes acontecem por causa de usuários de rodovias que estacionam seus automóveis no acostamento esperando que a chuva diminua.

Cuidados - A PRF repassa orientações para períodos de chuva.

Antes de viajar, ligue 191 para verificar as condições do trajeto; 

Com pista molhada, reduza a velocidade;

Dê preferência ao freio-motor e aumente a distância do veículo adiante; 

Sob chuva forte ou baixa visibilidade, não pare no acostamento. Pátios de postos de combustível e estacionamentos públicos são as opções mais seguras nestas condições;

Frear bruscamente com pista molhada provoca aquaplanagem (perda de aderência dos pneus com o pavimento);

Ao utilizar os freios, cuidado com caminhões e ônibus atrás do seu veículo. Por serem mais pesados, percorrem distância maior até parar completamente.

Temer veta projeto sobre negociação coletiva no serviço público
O presidente Michel Temer vetou integralmente o Projeto de Lei nº 3.831/15, aprovado pelo Congresso Nacional, que estabelecia normas para a negociaçã...
UFMS divulga edital do vestibular para ingresso em cursos de graduação
A UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) divulgou, nesta segunda-feira (18), edital do processo seletivo do vestibular para ingresso em cu...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions