A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

11/11/2010 14:40

Buraco da Avenida Ceará desaparece sob novo asfalto

Redação

Mais de dez meses após surgir na Avenida Ceará, e modificar a rotina de grande parte da população campo-grandense que utiliza a via de ligação entre bairro e centro, o buraco causado pela chuva não faz mais parte do cenário no bairro Chacara Cachoeira.

A pavimentação asfáltica sobre a cratera foi concluída ontem e a pista pode ser liberada até o final deste mês.

As obras na Avenida Ceará estão em ritmo considerado bom, na avaliação do secretário municipal de Obras, João Antônio de Marco.

"O tempo tem ajudado e por isso estamos cumprindo nosso cronograma. O prazo de entrega permanece o mesmo e até o final de novembro o trânsito vai voltar a fluir normalmente", diz De Marco.

O próximo passo na obra é a finalização da construção de mais três alças laterais que ligarão o trânsito da Ceará à Ricardo Brandão, que passa sob pontilhão na avenida. Uma das alças foi liberada em março deste ano. Os operários trabalham no aterramento da área que vai receber a pavimentação asfáltica na alça.

O buraco na Avenida Ceará foi causado por uma forte tempestade no dia 27 de dezembro do ano passado. Dois meses depois, outra grande quantidade de chuvas ampliou o problema, e causou transtornos aos moradores de um bloco do Condomínio Cachoeirinha, construído ao lado da Ceará.

Para evitar novos desmoronamentos, uma nova galeria de concreto foi erguida para desviar o Córrego Cachoeirinha. A contenção da erosão e a reconstrução da Avenida Ricardo Brandão e da Rua Ceará, entre a Uniderp e a Avenida Afonso Pena, terá custo de aproximadamente R$ 20 milhões aos cofres públicos, com recursos do Ministério da Integração Nacional.

A Avenida Ceará é uma das principais vias que ligam bairros populosos como Tiradentes e da região da Avenida Zahran ao Shopping Campo Grande e à região norte da cidade. Por conta das intervenções, outros R$ 3 milhões foram utilizados no recapeamento de vias de acesso que passaram a ser utilizadas com maior freqüência por conta da interdição na Ceará.

As ruas Raul Pires Barbosa, Joaquim Murtinho, Pestalozzi, Nova Era e Rubens Gil de Camilo receberam nova cobertura asfáltica. Segundo De Marco, após concluídas as obras, a Agetran deve sinalizar e liberar a avenida.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions