A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 17 de Janeiro de 2019

21/08/2010 08:30

Buscas por arma na Lagoa Itatiaia não serão retomadas

Redação

As buscas feitas pelo Corpo de Bombeiros na Lagoa Itatiaia para localizar a arma usada no assassinato de Maria de Fátima Florentin Tavares, em fevereiro deste ano, não serão retomadas.

A informação é do delegado responsável pelo caso, Wellington de Oliveira, da 4ª Delegacia de Polícia da Capital.

Ele explica que a retomada dos trabalhos não será feita por dois motivos: o primeiro é de que o suspeito do crime esteja mentindo quando ao local onde deixou a arma.

O segundo é que a arma já pode estar enterrada dentro do lago, cujo fundo é coberto de lama.

Oliveira explicou que mesmo com trabalho minucioso do Corpo de Bombeiros, na tarde de ontem (20), não foi possível localizar o objeto. Seis militares mergulharam no lago e fizeram buscas das 11h até por volta das 17h.

Apesar de não ter encontrado a prova, o delegado garante que há indícios suficientes de que o preso é autor do homicídio. As evidências estão descritas em um inquérito de cerca de 500 páginas.

Wellington de Oliveira acredita que o suspeito irá confessar o crime, diante das evidências, mas ainda não detalha quais são elas. Ele irá ouvir novamente o preso, cujo nome é preservado para não comprometer as investigações, acerca do local onde ele deixou a arma.

Vingança - Segundo a Polícia, a motivação do crime é vingança decorrente de uma rixa que havia entre o assassino e a vítima.

Maria de Fátima Florentin Tavares, de 31 anos, foi executada com seis tiros no dia 20 de fevereiro. O corpo dela foi encontrado no interior de seu carro, um Eco Sport de placas HTA- 2315. O veículo estava na Alameda Santos, uma via de terra próxima à lagoa.

O acusado teve a prisão temporária decretada pela Justiça, mas a Polícia Civil não informa a identidade ou o local em ele foi detido para não comprometer o andamento das investigações.

PF pede 90 dias para fechar inquérito sobre atentado contra Bolsonaro
A Polícia Federal (PF) pediu hoje (16) à Justiça Federal em Minas Gerais mais 90 dias para encerrar o inquérito que apura quem são os responsáveis pe...
Com 3 sorteios na semana, Mega-Sena pode pagar até R$ 27 milhões, amanhã
A Mega-Sena pode pagar até R$ 27 milhões nesta quinta-feira (17) para quem acertar as seis dezenas do prêmio. Nesta semana, excepcionalmente, como pa...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions