A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

10/02/2014 10:06

"Esperava por tudo", diz jovem que foi agredida com "pisões e cadeiradas"

Edivaldo Bitencourt e Aline dos Santos
Recuperada após as supostas agressões do namorado, Giovanna, ao lado da mãe, decide que vai estudar em Londrina (Foto: Marcos Ermínio)Recuperada após as supostas agressões do namorado, Giovanna, ao lado da mãe, decide que vai estudar em Londrina (Foto: Marcos Ermínio)

A estudante Giovanna Nantes Tressse de Oliveira, 19 anos, sempre suspeitou que foi vítima de agressões do então namorado, Matheus Georges Zadra Tannous, 19. “Esperava por tudo”, contou, na manhã de hoje, ao voltar ao médico para liberar o maxilar, preso desde a cirurgia realizada no início do ano na Santa Casa de Campo Grande. A Polícia concluiu que o filho do médico Michel Georges Tannous deu “pisões e cadeiradas” no rosto da universitária na noite do Réveillon.

Com 1,49 metro de altura, Giovanna continua pesando de 38 a 39 quilos em decorrência da alimentação restrita. O sonho da jovem, após voltar a ter condições de mastigar, é comemorar o aniversário, celebrado no dia 3 de janeiro, com um bolo de abacaxi com ameixa. O outro desejo após abandonar a dieta a base de líquidos e alimentação pastosa, que já perdura por 40 dias, é saborear sushi.

No entanto, sobre a noite em que foi vítima de suposta agressão, a jovem ainda não se lembra. Só contou que não ficou surpresa com as possibilidades apontadas pelo inquérito policial presidido pela delegada titular da Deam (Delegacia de Atendimento à Mulher), Rosely Molina.

Para a Polícia, a universitária, que vai trocar Campo Grande por Londrina, não se lembra porque ingeriu muita bebida alcoólica no dia 31 de dezembro e sofreu uma espécie de coma alcoólico.

Nesta segunda-feira (10), Giovanna disse que sempre teve certeza de que não sofreu os ferimentos em decorrência de tombos. À polícia, o jovem contou que a então namorada sofreu as fraturas após duas quedas, quando ele ia colocá-la no sofá.

Com base na perícia e nos depoimentos, a Polícia Civil concluiu que Giovanna foi agredida no rosto com o calcanhar de Matheus. Ele também teria usado uma cadeira para agredi-la.

O perito Domingos Sávio, que participou dos levantamentos, explica os motivos que levaram a perícia a essa conclusão. “Reproduzimos as lesões do ferimento estriado de maneira semelhante e ainda não achamos nenhum objeto que possa ter causado essas fraturas. No calcanhar dele, ainda possui dimensões compatíveis com as lesões produzidas na jovem. E as lesões da testa têm a mesma geometria da cadeira”, explica.

Espera por tudo, diz jovem, que planeja comemorar o aniversário de 19 anos com bolo de abacaxi com ameixa (Foto: Marcos Ermínio)"Espera por tudo", diz jovem, que planeja comemorar o aniversário de 19 anos com bolo de abacaxi com ameixa (Foto: Marcos Ermínio)

Repercussão – Sobre o indiciamento do ex-namorado, Giovanna evitou fazer uma análise. Ela comentou que “ele só ficou preso cinco dias”. O jovem teve o habeas corpus concedido pelo Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul.
Segundo a mãe, Janaína Nantes, desde que o caso começou a ser investigado, Matheus não teve mais contatos com a família da ex-namorada. No início, ele chegou a procurá-los e até ligou duas vezes para a avó, em Londrina, para dar informações de que a neta estava se recuperando bem.

Ela contou que veio à Capital no dia 15 de novembro de 2013 para conhecer o então genro. O casal estava morando juntos. Ela contou que não viu nada que desabonasse a conduta do jovem.

Após a consulta ao médico, Janaína e Giovanna voltam para Londrina amanhã. Ela já pediu a transferência da faculdade e vai retomar os estudos na cidade paranaense.



Esses jovens pensam que sabem tudo da vida, já fui jovem também. Pensava assim como ela e ele, queria ter minha independência própria, mas a vida nos mostra que o caminho das pedras as vezes são tão grandes que é difícil demais para contorna-las sozinhos, agora quero ver se ela vai tomar alguma decisão tão difícil de ir morar com alguém sem antes consultar sua mãe e seu pai, sorte dela que ainda tem. Na idade dela já não tinha mas quem me orienta-se, contava apenas com a sorte.
 
jose carlos em 10/02/2014 16:29:24
Só digo uma coisa! Não queria ser uma pulga no corpo desse "verme" se ele tivesse encostado num fio de cabelo de alguém da família de uma pessoa com pouca paciência! Acredito que se tirar o escalpo dele e mergulha-lo num tonel de sal e cortar os dois tornozelos vai ajudar ele a refletir bastante no que fez...Sou totalmente contra violência ! Só isso ajudaria ele a pensar na vida!
 
Sávio Barbosa. em 10/02/2014 16:27:44
Parabéns ao cirurgião-dentista, que operou Giovanna, ela está ótima...que Deus abençõe a cada um...mostraram muito profissionalismo e competência.
 
Jeanne Couto em 10/02/2014 16:20:03
Ela não duvida que tenha sido espancada pelo namorado? Pq? Pq não duvida? Pq ele era violento? Então o que ela fazia com ele? Pq ficava lá? Pq bebeu até desmaiar? Será que não se drogaram juntos e foram brincar de MMA? Meu Deus, que família é essa? Uma menina de 19 anos entrou em coma alcoólico, na casa onde vivia com o namorado, que ela sabia ser extremamente violento? Cadê a família? Cadê o amor-próprio dessa criança? Cadê a família?????????
 
Mateus Alboquerque em 10/02/2014 16:01:16
Todo mundo julga é facilmas ela estava com ele porque quis ;oque esperar de um homem que era casado e não trabalhava?Ela se lembra sim só tem vergonha de falar
 
joel moreira em 10/02/2014 15:45:53
TERRA SEM LEI!
 
Lúcio José em 10/02/2014 15:23:19
E mais uma vez o dinheiro fala mais alto que a justiça. Por qual razão esse rapaz foi solto, se ele agrediu uma jovem indefesa? E a Lei Maria da Penha para que serve?
Sou contra se fazer justiça com as próprias mãos, mas se esse moço sair na rua, não sei se vai ficar inteiro, porque ultimamente os justiceiros estão agindo em lugar da Policia.
O pai não ensinou como tratar uma mulher e, agora, dá amplo conhecimento de seu ineficaz jeito de educar o filho.
 
Jessica Santos em 10/02/2014 15:09:27
Queria ver esse filho de papai bater em mim, que tenho 1.84 e 98 quilos! Covarde! Moleque e covarde!
 
Romeu Cardoso em 10/02/2014 14:55:47
Esse é nosso Brasil onde nossos políticos só preocupam co seus interesses e o povo tá cada dia se ferrando ou mudamos nosso conceitos ou vamos ou melhor já estamos pagando um preço muito alto,o futuro está incerto. Robson
 
Robson djalma oliveira Santos em 10/02/2014 14:37:58
"O jovem teve o habeas corpus concedido pelo Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul", quem liberou o criminoso foi o "Tribunal do Crime" isso sim é o que sem tem nas leis do "brasil"! Se você quer justiça, vai para morar na América do Norte, Europa ou Japão. Política, Lei e Justiça no nosso país é só fachada para beneficiar o crime e dar as contas a pagar para o cidadão de bem! Pense bem na hora de votar e escolher um dentre os ladrões, melhor anular então!
 
Alexandre de Souza em 10/02/2014 14:08:48
E Matheus tem sorte ke não é minha filha, hein! Cara! sou mulher mas eu rachava vc ao meio, ou melhor como já disse aki mesmo, tirava toda a pele do seu rosto, só isso. Me admira muito seu pai Giovanna ficar de mãos atadas, esperando esta justiça ke não faz nada.
Deus ke me perdoa, mas bonitinho vc não estaria mais, nunca mais, nem plástica dava jeito.
 
Adriana de Meneses em 10/02/2014 14:03:10
Está na cara que o delito foi praticado pelo namorado, porém não houve testemunhas e muito menos a vítima ficou na cidade para dar o depoimento. Nossa legislação é falha e por isso é bem provável que esse rapaz saia sem cumprir pena alguma.
 
Alex Vega em 10/02/2014 14:01:20
A culpa é dela por ter apanhado, ou da família, a culpa é desse inseto covarde que bate numa mulher além de minuscula, bebada. Ele é o culpado, ele é um covarde que só se paga de f.. com mulher, não é ela a culpada, ela ja tem 19 anos, maior de idade e sabe o que quer da vida, errou ao se apaixonar por um babaca, realmente, ela poderia até ter evitado, pois se n ficou surpresa é pq sabia q ele era capaz disso, mas a culpa NÃO É DELA que foi espancada, mas dele e do troxa do pai dele que é rico e compraram a "justiça".
 
Gabriel Santos em 10/02/2014 13:10:49
Divulguem o nome do Juiz que mandou soltar, vamos ver quem é o juiz, o que ele tem a ver com a familia do machão, enfim, tem gato nesse balaio.
 
maximiliano rodrigo antonio nahas em 10/02/2014 12:36:03
Lesão Corporal no Inquérito da Delegada Rosely Molina?! Tentativa de homicídio claramente!!! É hora da SEJUSP reagir e como primeiro passo substituir essa Senhora, bem como alterar de imediato tal Inquérito!
 
BELSON RIBEIRO em 10/02/2014 12:30:19
E ele vai ser preso quando?
E ele vai ser preso quando?
E ele vai ser preso quando?
E ele vai ser preso quando?
E ele vai ser preso quando?
E ele vai ser preso quando?
E ele vai ser preso quando?
E ele vai ser preso quando?
E ele vai ser preso quando?
E ele vai ser preso quando?
E ele vai ser preso quando?
E ele vai ser preso quando?
E ele vai ser preso quando?
E ele vai ser preso quando?
E ele vai ser preso quando?
 
Plabiany Rodrigo Acosta em 10/02/2014 12:28:19
Esse bandido riquinho tem que apodrecer na cadeia, e o pior de tudo, a familia deve ter tentado acobertar o caso.
 
francisco Junior em 10/02/2014 12:23:59
* muita coragem tem o judiciário de ms , soltou o cara que agrediu uma mulher com 4 crianças que esta sendo agredida a 6 anos , e a sociedade nega a ela o direito de ter documentação e direito de trabalhar , o outro quase mata a menina ai da reportagem e vem um magistrado ai e coloca o cara na rua para que ele possa quebrar a cara de mais uma inocente . mas eu ja sei porque isso ocorre ! é que os presídios estão todos superlotados .
 
antonio silva em 10/02/2014 11:51:59
a Lei Maria da Penha não vale nada mesmo.
 
Jair Oliveira em 10/02/2014 11:49:37
E você faz isso com filha de cabra macho você podia entrar dentro de um buraco.
 
Hélio guedes de souza em 10/02/2014 11:46:30
Excelente comentário de Marcos Paulo Hypólito,principalmente quando finaliza dizendo (Mas sempre aprendemos que o tempo é o senhor da razão,que a bagagem e experiência demandam tempo para serem adquiridas) infelizmente a evolução do mundo com costumes e comportamentos inadequados para vida fez com que o jovem passasse a ignorar os mais velhos,sejam seus próprios pais,tios,amigos da família,para eles são uns antiquados,brega e outros elogios que se houve,sentimos muito mas é realidade,quantos jovens que ainda hoje ao invés de dialogar com uma pessoa experiente,prefere experimentar a DROGA que ele já sabe que um caminho sem volta (é triste, mas...)
 
Abel dos Santos em 10/02/2014 11:37:27
Então a tal lei Maria da Penha não se aplica em quem tem dinheiro? Pra que serve então? Só para zé mané. Ele não deveria ser indiciado só por lesão corporal, deveria ser indiciado segundo a lei Maria da Penha, e levar um baita surra pra ver se aprende a não agredir uma menina.
 
Silverio Gomes Silva em 10/02/2014 11:31:58
Uma jovem indefesa pela estatura e porte físico. E dessas que os valentões gostam de bater. Ah se fosse com uma filha minha, ah, se fosse. Eu não responderia pelos meus atos. Não mesmo.
 
Joao Carlos em 10/02/2014 11:31:12
Já começo a pensar que esta garota nao quer que prenda o agressor dela. Já tá muita "muagem" tanto desta garota quanto da "justiça". Se eu fosse o Pai dela eu ja teria resolvido esse caso e dado a sentença pra este doido e um couro nessa minininha.
 
Gilberto Bras em 10/02/2014 11:18:40
Ótimo parágrafo, parabéns. São detalhes que ajudam a informar e montar o quadro geral da cena retratada.
"Com 1,49 metro de altura, Giovanna continua pesando de 38 a 39 quilos em decorrência da alimentação restrita. O sonho da jovem, após voltar a ter condições de mastigar, é comemorar o aniversário, celebrado no dia 3 de janeiro, com um bolo de abacaxi com ameixa. O outro desejo após abandonar a dieta a base de líquidos e alimentação pastosa, que já perdura por 40 dias, é saborear sushi."
 
Andriolli Costa em 10/02/2014 11:17:29
Algumas pessoas dizem que este cara é muito violento, na verdade na seria isso o que atribuir a ele, que não passa de um covarde, que aproveita da fragilidade de uma mulher. Duvido se ele teria coragem de enfrentar um homem, pior que por pertencer a família conhecida na sociedade não vai nem preso, essa é a justiça que temos. Depois muitas gentes criticam os grupos de justiceiros que surgem e acabam por fazer justiça com as próprias mãos.
 
Eres Figueira da Silva em 10/02/2014 11:17:13
DESTA VEZ LIVROU-SE DA MORTE. "HOMEM MONTROS".....ESTES TIPOS VIOLENTOS SEMPRE APRESENTAM SINAIS DE VIOLÊNCIA, E UMA VEZ VIOLENTO SERÁ SEMPRE VIOLENTO" ELES SÃO CORAJOSOS E AGRESSIVOS COM MULHERES..... COM OUTRO HOMEM E COM A POLICIA SÃO UNS COVARDES.
PARA OS AGRESSORES...JUSTIÇA E CADEIA.
 
Cáludia Regina Souza em 10/02/2014 11:16:37
Graças a Deus a Giovanna esta recuperada. Tudo de bom pra vc Giovanna, que Deus te proteja sempre um abraço.
 
Andre Diogo em 10/02/2014 11:15:43
Mas e a busca e apreensão do criminoso? Vamos esperar ele fugir novamente? O juiz é irmão do médico pai do menino?
 
maximiliano rodrigo antonio nahas em 10/02/2014 11:00:17
Infelizmente o Sr Matheus está em liberdade com o entendimento do delegado que presidiu o inquérito e enquadrou o indiciado em crime de lesão corporal, onde o cidadão responde em liberdade. Todos sabem que ele deveria ser enquadrado como tentativa de homicidio, onde teria o tratamento merecido, ou seja: cadeia. Lamentavelmente, pelo fato de ter dinheiro, o agressor está em liberdade. Essa é a nossa justiça brasileira, com a devida separação dos que tem dinheiro e os que não possuem.
 
jose rodrigues em 10/02/2014 11:00:12
Agora vamos ver se essa mãe resgata essa guria e não permite que ela saia 'amaziando' com qualquer um. 39 kilos e 1,50 morando com um desconhecido longe da familia... triste!
 
Luciana Schimdit em 10/02/2014 10:48:39
QUE SIRVA DE ALERTA PARA AS JOVENS QUE ACREDITAM NO AMOR DE QUEM SEMPRE SE MOSTRA VIOLENTO E AO MESMO TEMPO FICA PEDINDO DESCULPAS,CUIDADO ELE SÓ PENSA NELE E PODE ATÉ MATAR VC, QUE NÃO SE ARREPENDE.AMIGO É PAI E MÃE.
 
LUIZ CARLOS SANTOS MESSIAS em 10/02/2014 10:32:36
Nada justifica o que esse rapaz fez, agora fica aqui uma reflexão : os pais acham normal deixar uma garota de 19 anos, que recém conquistou a maioridade, morar junto com um homem ? Eles provaram da forma mais difícil que não tinham maturidade para conviver sob o mesmo teto, numa mistura explosiva de ciúmes, álcool e sabe lá Deus o que mais. Hora de pensar bem no que será da vida dos nossos filhos, com quem andam, o que fazem...e principalmente quando fazem. A vida anda precoce demais, mas sempre aprendemos que o tempo é o senhor da razão, que a bagagem e experiência demandam tempo para serem adquiridos.
 
Marcos Paulo Hypollito em 10/02/2014 10:30:49
E ele será preso quando????
 
ELIO SANTOS em 10/02/2014 10:26:11
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions