A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

10/10/2016 11:32

“Estou em choque até agora”, diz produtor de eventos após sequestro

Luana Rodrigues

O que era para ser uma noite de diversão com os amigos terminou em terror para o produtor de eventos Jean Medina, 28 anos, e uma amiga de 31 anos. Ele e a mulher saíam de um bar na Avenida Euclides da Cunha, em Campo Grande, quando foram rendidos por dois bandidos armados e colocados no porta-malas do veículo, na noite deste domingo (9).

“A gente sempre ouve falar de casos assim, mas eu nunca imaginei que fosse acontecer comigo. Estou em choque até agora”, afirmou o rapaz ao Campo Grande News.

O crime aconteceu por volta das 22h30, quando Jean e a amiga chegavam ao carro, um Citroën C4 Lounge, estacionado há alguns metros do bar. “Cheguei a pensar que fosse uma brincadeira, mas ai vi que os dois estavam armados. Eles obrigaram a gente a entrar no porta-malas, até machucaram a cabeça da minha amiga. Andamos por pouco tempo, até que comecei a chutar a porta e ela abriu. Quando o carro parou, nós saímos”, contou.

Jean disse que conseguiu sair do porta-malas no cruzamento da Rua da paz com a Avenida Ceará, onde conseguiu ajuda de um policial a paisana, que acionou a polícia.

Os bandidos fugiram com carro, encontrado, horas depois, abandonado na Rua Senhor do Bonfim, no Bairro Nova Bahia, porta traseira amassada, para-choque, porta-malas, pneus e rodas dianteiras danificadas. Os assaltantes ainda não foram localizados. O celular de Jean também foi achado em um terreno baldio, depois de ser rastreado pela polícia.

“Fico feliz que não houve prejuízos maiores. Eles estavam esperando alguém sair dali, eles iam pegar alguém. Mas estamos bem, sem ferimentos e o que fica de lição é prestar mais atenção na hora de sair de qualquer lugar para não acontecer de novo”, diz.

Segundo caso - Ontem, outros dois jovens de 22 e 23 anos foram sequestrados por volta das 4h20. Eles também saíam de um bar, na Rua Pajuçara, na Vila Antônio Vendas.

Os rapazes foram feitos reféns, amordaçados com pano, vendados, amarrados com fita adesiva, cinto e cardaço de sapato.

Os bandidos levaram vários objetos e o veículo VW Gol de uma das vítimas. As duas vítimas conseguiram fugir do cativeiro.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions