A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

24/06/2011 06:49

Acidente de trânsito envolve quatro motoristas embriagados no centro da Capital

Francisco Júnior

Ninguém ficou preso

Um acidente ocorrido por volta das 1 hora desta sexta-feira envolveu quatro motoristas embriagados no centro de Campo Grande.

De acordo com informações da Ciptran (Companhia Independente de Policiamento de Trânsito), o condutor do veículo Pálio colidiu em outro três veículos: um Celta, Honda Fan e um Gol, no cruzamento da rua José Antônio com a avenida Fernando Correa da Costa.

Ninguém ficou ferido, porém, os policiais que atenderam a ocorrência ficaram surpresos já que todos os motoristas envolvidos no acidentes estavam isivelmente embriagados.

Três condutores fizeram o teste de alcoolemia e ficou comprovado que eles haviam ingerido bebidas alcoólicas. O motorista que provocou o acidente se recusou a fazer o teste e acabou sendo encaminhado para Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro.

Sesau e SES recolhem quase 10 toneladas de lixo no Jardim Noroeste
A ação de recolhimento de lixo realizada em casas e terrenos baldios no Jardim Noroeste - bairro localizado na regiões leste de Campo Grande - somou ...
Apae recebe doação de brinquedos da campanha Compartilhe o Natal
Foi iniciado nesta segunda-feira (11) a entrega de brinquedos arrecadados na campanha "Compartilhe o Natal", realizado pelo Ministério Público Estadu...
Ação oferece serviço especial na UBSF do Tarumã nesta terça-feira
A UBSF (Unidade Básica de Saúde da Família) do Tarumã promove nesta terça-feira (12) diversas atividades voltadas para a promoção de saúde da populaç...


Cada absurdo, todo mundo tem o direito de festar e relaxar no feriado, afinal, a vida é tão corrida, mas o faça em casa, se for sair de carro ou moto, coloque alguém habilitado e que não tenha ingerido bebida alcoólica para guiar o veículo, um pequeno gesto deste evita tanta dor de cabeça, vejam essas pessoas, estragaram seu feriadão.
 
Gustavo César Capilé Gonçalves em 24/06/2011 10:38:21
Qual a surpresa? A essa hora da madrugada de um feriado?
Parece piada alguém se surpreender que TODOS estavam embriagados.
Se parar todos os veículos que circulam nesse horário nos finais de semana ou mesmo feriados a surpresa será se encontrar alguém que NÃO tenha álcool no sangue.

Pra não ser injusto, acredito que 99% vai estar sob efeito alcoólico.

Culpa de quem? Falta de lei? Não... Isso tem nome: IMPUNIDADE... SABEMOS todos que crimes de trânsito dificilmente são punidos como deveria, com total rigor. Tá aí o caso do ex-jogador Edmundo que não me deixa mentir.

O resto é blá... blá... blá...
 
arthur donavann em 24/06/2011 10:08:34
O que acontece em Campo Grande???
30% dos condutores de veículos motorizados não possuem habilitação, outros 50% estão embriagados e mais uns 15% são os que "foram passados" no fraquíssimo curso e exame para se obter a habilitação.
QUEM SOBRA???
Somente 5 % , são os que respeitam os sinais dos semáforos e os sinais de pare das preferênciais, não falam ao celular dirigindo, não tomam multas por estacionar em fila dupla, dirigem em velocidade compatível a via, pratica a direção defensiva, utilizam setas de direção para mudar de faixa ou virar uma esquina, entre outras coisas que são normais em um bom motorista/motociclista.

Resumindo...........os motoristas não cairam na realidade de que o trânsito de Campo Grande é de capital e de uma cidade de 800 mil habitantes.
Motoqueiros pilotam somente em zigue-zague.

Autoridades competentes, se não começarem mudar as leis para os motoristas infratores e pseudos motoristas que não são habilitados, vamos nos deparar com mais acidentes e mais mortes.
Aproveito para também sugerir o estudao para a criação do famoso rodízio de veículos, pois as ruas não comportam o número de veículos que Campo Grande tem.
 
Nilton Cavasini em 24/06/2011 09:57:05
Já penso que motorista flagrado embriagado deveria ter o direito de dirigir suspenso definitivamente, em qualquer categoria de habilitação. "Amarrar" essa informação no registro da antiga CNH e no CPF, pra garantir que não ia ter 'jeitinho'. O mesmo valendo pra quem se envolveu em acidente com vítima fatal ou que a vítima ficou incapacitada.
 
Daniel Francelino da Silva em 24/06/2011 09:52:52
Ali no posto trocar direto tem jovens escutando som alto e bebendo sem parar. isso nao é novidade...
 
Jean Luiz em 24/06/2011 09:45:48
Desta vez não houve vitima, mas que irresponsabilidade em?! Ainda mais no centro de CG ... Brincadeira em, estou indignada !!! Ja estamos com muito indice de acidentes e mortes no transito sera que ja não esta bom de tanta imprudencia?
 
Tatiane M. de Oliveira em 24/06/2011 09:04:39
onde vamos parar com este transito cada vez mais violento? os motoristas estão intolerantes, .....vamos ser mais prudentes!!!!!!!pense que por tras deste condutor existe uma familia......não façam eles derramarem lagrimas por imprudência ...pensem nisso
 
Andreia Batistoti em 24/06/2011 08:45:06
Eu penso o seguinte!!!
O "bafometro" deveria ser obrigatório.
Não tem essa da pessoa não produzir provas contra si mesmo.

Agora se for o caso ... se as pessoas estiverem "visivelmente"
embriagadas ... chama-se duas ou mais testemunhas e prendam
esses motoristas...

Não pode abrir brechas ... pois famílias, pessoas de bem ... correm
o risco de perder a vida num acidente bobo, causado por pessoas
irresponsáveis...

Sejamos mais prudentes e cobremos mais imponência dos nossos
legistas e profissionais do trânsito
 
vanderley chiquito em 24/06/2011 07:35:20
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions