A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

02/01/2014 07:04

Adolescente de 17 anos é assassinado com seis tiros após briga em bairro

Viviane Oliveira

Um adolescente de 17 anos foi morto a tiros, por volta da 1h da madrugada desta quinta-feira (2), na Rua Luiz Antônio Dodero, no bairro Dom Antônio Barbosa, em Campo Grande. Luciano Barreto de Oliveira chegou a ser socorrido, mas não resistiu ao ferimento e morreu no Hospital Regional.

De acordo com a Polícia Militar, na noite de Ano Novo, a vítima estava em um bar na região e teria discutido com o autor do crime, um rapaz que mora no bairro.

Durante a madrugada, Luciano estava com os familiares e amigos reunidos em frente de casa, quando o acusado chegou, sacou um revólver e disparou seis tiros contra a vítima.

Luciano foi socorrido por terceiros e encaminhado para o hospital, mas morreu pouco tempo depois. O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do bairro Piratininga e será investigado pela 5ª delegacia.

A Polícia já tem a identificação do autor dos disparos, mas ele ainda não foi localizado.

Sesau e SES recolhem quase 10 toneladas de lixo no Jardim Noroeste
A ação de recolhimento de lixo realizada em casas e terrenos baldios no Jardim Noroeste - bairro localizado na regiões leste de Campo Grande - somou ...
Apae recebe doação de brinquedos da campanha Compartilhe o Natal
Foi iniciado nesta segunda-feira (11) a entrega de brinquedos arrecadados na campanha "Compartilhe o Natal", realizado pelo Ministério Público Estadu...
Ação oferece serviço especial na UBSF do Tarumã nesta terça-feira
A UBSF (Unidade Básica de Saúde da Família) do Tarumã promove nesta terça-feira (12) diversas atividades voltadas para a promoção de saúde da populaç...


isso que vcs tah falando de policia n adinta meu amigo que eu andava desde pequeno esta morto agora ii esse mano que matou ele vai ficar preso so por um tempo e vai ta na vila dinovo isso tah errado mano quando eu e ele sai pra ir jogar bola ou ir na casa de uma amiga as policias parava a gente toda hora sem a gente fazer coisa nenhuma
 
anderson martins da silva em 05/01/2014 17:26:18
sentirei saudades do meu lu gostava a mil dele mais deus o levou.... te amo luciano
 
Ana Carolina da Silva em 02/01/2014 21:14:49
Eu conheço o luciano, ele participava juntamente comigo, do angoal, ensina o futebol e a palavra de DEUS, chegou de ir á igreja várias vezes, e não considero um menino de gang, muito educado, estudioso, trabalhava a noite no lixão para ajudar a sua mãe, realmente era um bom menino, vai deixar lembranças e saudades....meus sentimentos.
 
Gleiciane alves vitorio em 02/01/2014 15:16:35
A culpa não é só a falta de policiamento. É dos pais, cujos filhos saem por aí e eles não perguntam nem aonde vão nem com quem estão saindo. Os pais ficam tomando tereré embaixo da árvore, não cuidam se as meninas estudam ou não. Largam os filhos e o resultado é esse...Nunca vai ter fim a não ser que os pais sejam responsabilizados criminalmente pelo crime cometido pelos filhos. Aí sim eles vão se preocupar com suas crias...
 
Thiago Henrique de Souza Almeida em 02/01/2014 14:02:14
so se colocar um policial para cada bandido desse bairro
 
eraldo a bento em 02/01/2014 12:37:40
lamentável......................................
 
bruno lara em 02/01/2014 12:32:50
Não adianta cobrar a polícia Maikon Dias Miranda, ela faz a parte dela e prende! A culpa é do judiciário que solta os criminosos e das famílias que não tem condições de ter filhos(estes são os que mais tem!) e não sabem criar os filhos(põe na creche e escola e diz que a responsabilidade de educá-los é do poder público, sendo que educação se aprende em casa!). A família dos criminosos também devem ser punidas se os mesmo terem noção do que ocorre e não denuncia(sabe que tem arma, que cometeu crime ou dar esconderijo ao mesmo). No EUA é 30 policiais para uma cidade, pois o criminoso fica na cadeia e não é solto(os beneficio que só existe na injustiça brasileira!). Concordo com o JULIO CESAR, tudo começa na família!
 
Alexandre de Souza em 02/01/2014 11:47:42
Ei população do Dom Antônio Barbosa, temos que protestar contra essa falta de segurança no bairro... a PM só aparece para atender ocorrências, nós queremos o policiamento preventivo, mas esse Governo não proporciona isso. Já estou cansado de tantos bandidos em meu bairro, lembram o do menino que morreu no dia 23?
Ontem fomos no Pelotão da PM que cuida do bairro, vocês acreditam que eles tem 30 (trinta) policiais para atender uma região de mais de 150 mil moradores (Aero Rancho, Los Angeles e outros), é um absurdo. Chega de postos de Polícia Comunitária, queremos que reprimam esses vagabundos, estamos fartos de tanta política.
Ei Campo G. News, confio muito no trabalho desse jornal eletrônico e peço, denuncie a falta de meios para a polícia atender o povo, não se cale! Exija uma solução.
 
Maikon Dias Miranda em 02/01/2014 11:11:58
Lamentável, Apenas 17 anos de vida!!! tantas coisas ainda teria pra viver, Senhores pais moradores do bairro Dom Antonio Barbosa, estejam mais presentes e conversem mais com seus filhos pois se as más companhias podem influenciar para o mal, então porque a família não pode influenciar para o bem? .
 
JULIO CESAR em 02/01/2014 08:47:23
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions