A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

17/05/2011 10:24

Adolescente que matou mulher tem passagem policial desde os 12 anos

Aline dos Santos e Francisco Júnior
Rapaz foi apresentado hoje pela Deaij. (Foto: Francisco Júnior)Rapaz foi apresentado hoje pela Deaij. (Foto: Francisco Júnior)

O adolescente de 17 anos apreendido pelo assassinato de uma mulher em Campo Grande tem dez passagens policial desde os 12 anos. Depois de se envolver em furto, roubo, importunação e lesão corporal, o 11º crime foi a morte brutal de Creuzina Alves Gomes, de 59 anos. Ela foi assassinada ontem à noite no bairro Buriti.

De acordo com a delegada da Deaij (Delegacia de Atendimento a Infância e Juventude), Maria de Lourdes Cano, o adolescente relatou que estava escondido debaixo da cama em um dos quartos da casa da vítima.

Em depoimento, ele contou que Creuzina voltou da igreja e foi atender um motociclista, que teria ido ao local para receber R$ 20. Ela não encontrou o dinheiro, já furtado pelo adolescente.

Em seguida, o cachorro passou a latir de forma insistente em direção ao esconderijo do ladrão. Quando a mulher se abaixou para olhar debaixo da cama, foi atacada.

Ele desferiu uma facada no rosto da vítima. A faca tem cerca de 12 centímetros de lâmina. Com o golpe, ela caiu. O adolescente tapou a boca da mulher e tentou enforcá-la com o fio do ferro de passar roupas.

Porém, ela morreu em virtude da facada. A delegada acredita que o rapaz tentou estuprar a vítima. A mulher foi encontrada nua da cintura para baixo. Ele justifica que tirou a roupa para ver se ela tinha sangramento.

O adolescente fugiu levando os R$ 20 e joias. Ao ser apreendido, no mesmo bairro, ele estava com um brinco em uma pulseira da vítima. O rapaz relatou que conhecia Creuzina há três anos e freqüentava a sua casa.

Na semana passada ele furtou um aparelho de som e secador de cabelo da residência. À policia, ele contou que a mora com sua esposa, uma adolescente de 15 anos, em frente à casa de Creuzina. Segundo ele, a moça está grávida de 8 meses.

Mulher assassinada no bairro Buriti é tia da cantora Lia Mayo
Creuzina Alves Gomes, 59 anos, assassinada no bairro Buriti, é tia da cantora Lia Mayo, conhecida por shows de axé em todo o Estado, como festa tradi...
Adolescente de 17 anos mata mulher a facada no Buriti
A vítima conhecia o adolescenteCreuzina Alves Gomes, 59 anos, foi morta a facadas por volta das 19 horas de ontem, no bairro Buriti, em Campo Grande...


Inconformismo não adianta! Colhemos o resultado de uma legislação mal elaborada - o ECA, com a falsa proteção dada à criança para estudar, mas sem o comando dos pais que não podem "nada", são proibidas de trabalhar mas são autorizadas pelo indigitado estatuto a vadiar. É nisso que dá! adolescentes sem valores, sem ética e que buscam uma razão para viver, encontrando nas drogas a solução para preencher o seu mundo vazio. Em socorro as nossas crianças reforma ao ECA urgente!
 
sonia holsbach em 18/05/2011 12:22:03
Isso se ressocializa?? desde 12 anos praticando assaltos, violencias e tudo que bandidão faz; tem que ser como País de primeiro mundo (E.U.A) lá meus amigos,
não existe ressocialização para bandido não, lá cometeu crime vai prá cadeia não para ressocializar e voltar para a sociedade mais bandido ainda, lá vai prá cadeia porque é um castigo mesmo!!lá não existe pena alternativa, lá é isolamento total, lá não tem visitinha de mamãe que colocou mostrinho no mundo levar comidinha pro monstrinho não, lá é castigo, agora aqui com esses direitos humanos de bandidos não acontecer nunca.
 
Jose de Mello em 18/05/2011 08:16:07
Os pais deixaram de cumprir as suas obrigações a muito tempo, por conta dessas leis confeccionadas de maneira descabíveis, bons tempos onde os pais davam responsabilidades para seus filhos dentro de casa, bons tempos onde sabiamos o valor de uma vida. Hoje se uma mãe/pai colocarem os seus filhos para fazer os serviços domésticos, lavarem louça, cozinhar, cuidarem dos irmãos mais novos correm o risco de serem punidos pois estão comentendo maus tratos e respondem por abandono do incapaz. ALÔ!! LEGISLADORES, desde quando trabalho mata alguém, desde quando uma mãe ensinar os seus filhos a terem responsabilidade desde cedo deturpa a personalidade do ser.
Tá na hora de mudar as leis, pois as que estão no ordenamento juridico estão sem EFICÁCIA nenhuma, a cada dia lemos noticiarios como este. A lei hoje é para resguardar o direito da criança e do adolescente, porém, estão dando direito para que eles cometam crimes sem que sejam punidos como deveriam, equiparem a leis para a realidade que hoje vivemos. E quanto aos GENITORES é bom que COLOQUEM OS SEUS FILHOS PARA TRABALHAR, DEEM RESPONSABILIDADE, NÃO OS DEIXEM NA RUA SE OCUPANDO COM O QUE NÃO DEVEM, E SE O CONSELHO VIER PASSEM PARA ELES A GUARDA DOS SEUS FILHOS, ASSIM VOCÊS SE LIVRAM DOS GASTOS E DA RESPONSABILIDADE DE EDUCAR.
 
Suzana Maroli em 18/05/2011 08:11:34
Eu agra deço a todos os comentarios,pois eu sou amigo da familia desde a infancia Creusina,e todos os iramãos moravamos no Guanandy e tivemos uma boa infancia quando o colégio Plinio Mendes era de madeira,boas recordações,e e ssse nogento agora falou que esta pensando no filho que vai nascer,é facil que os direitos humanos va la dor leite para o moleque que não tem nada com isso,mas na casa dela ou dos irmõa não foi ninguem,e com 18 anos acaba o crime dele eita lei!Força meus amigos.
 
aparecido souza em 18/05/2011 07:34:30
Parece que nós brasileiros somos mais imaturos que estadunidenses ou ingleses, pois lá eles podem ser julgados criminalmente a partir dos 12 anos (dependendo do estado) e dirigir veículos a partir dos 16 anos.
Isso foi uma ironia, pois foi muita ingenuidade de nossos legisladores que insistem em achar que na noite dos 17 anos e 364 dias acontece algo "mágico" que uma criança vira um adulto.
Mais inteligente seria se, a partir dos 18 anos o crime ser imputável (como é hoje), antes dos 12 é inimputável e entre 12 e 18 psicólogos avaliassem se o adolecente teria compreensão plena das consequencias dos atos praticados; se sim, que seja julgado como um adulto. Só assim acabar com a impunidade dos crimes cometidos por adolescentes.
 
cesar lanzoni em 18/05/2011 06:26:12
Essa criatura não pode ser tratada como "criança", ele é um demente, um psicopata sem conserto, pela maneira fria como age. Se a justiça realmente funcionasse neste país, seria trancafiado até acabarem-se os seus dias, porque assim que for solto - o que será muito em breve - fará novas vítimas sem o menor escrúpulo.
 
Ana Honda em 17/05/2011 12:51:43
Gente! o que é que se passa pelo cabeça de um cidadão desse?
isso é mente de psicopata! pura psicopatia. Matar uma pessoa a sangue frio.. e ainda conhecendo a vítima há TRÊS anos? Não faz sentido! e sem contar que no depoimento noa mostra um pingo de arrependimento! Aposto que esta pensando.. "Sou menor não da nada" que Deus tenha misericódia da vida dessa pessoa!
 
Ana Paula Salviano em 17/05/2011 12:04:33
Sem comentários... Com a palavra "aqueles" defensores (de menores criminosos) de plantão.Brasil... Brasil... quando vamos ter políticos competentes?????As autoridades policiais e judiciais bem que poderiam ajudar... fazendo manifestações por leis mais justas (as que estão aí mais defendem os "bandidos" e "ferram" os de bons costumes).
 
Nivaldo Silva em 17/05/2011 11:53:30
Solta ele de novo, ele é jovem ainda tem muitos crimes para cometer.
Essa nossa lei é uma vergonha.
 
Fábio Luiz em 17/05/2011 11:46:56
Se eu fosso o pessoal da UNEI já prepararia um vestidinho pra ele. Pra nunca mais ele fazer isso com uma mae de família. Enquanto os de menor de 18 anos fazerem isso, e de caso pensado, nossa família estará sem segurança. Por isso sou a favor de baixar a maioridade, pois a bandidagem já chegou há muito tempo na adolescência, cadeia neles, igua nos EUA!!!
 
marcos de almeida leite em 17/05/2011 11:31:28
CARA , VAGABUNDO NOGENTO. MONSTRO ,..TRAIR A CONFIANÇA E DGNIDADE DE UMA PESSOA QUE TEVE COMPAIXÃO E TENTOU AJUDA-LO. O PIOR E QUE OS POLICIAIS NÃO PODE NEM DAR UMAS PORRADAS NELE.... TO REVOLTADO.....
QUE DEUS RECEBA A SENHORA Creuzina Alves Gomes, COM TODA A PAZ QUE ELA NECESSITA.
 
PAULO DURAES em 17/05/2011 11:29:12
Será que esse crime vai fazer com que esse ser seja punido?
Demoram muito para punir adolescentes,eles não são tratados como criminosos nem depois de dez BO.
Agora ele ainda vai ser tratado como menor infrator?
As leis nesse paiz rem que mudar .
Esse adolescente nunca vai ser uma pessoa de bem,ele deveria ser punido nos primeiros erros.
 
carmen vasconcelos em 17/05/2011 11:14:53
Parabens aos policiais que atenderam a ocorrencia, a equipe da policia militar e a policia civil... Nós estamos muitos felizes que foi solucionado o crime tao brutal!!!
 
andreiva cristina da silva em 17/05/2011 10:57:48
E AGORA ESSE ASSASSINO FICA RECOLHIDO POR UNS 8 MESES NA UNEI, DEPOIS ELE VOLTA A COMETER OUTROS CRIMES. CADÊ DIREITOS HUMANOS?? P/ A VITIMA?? OU P/ O ASSASSINO??AINDA HÁ QUEM CRITICA O TRABALHO DOS SEGURANÇAS DE UNEI, COMO COLOCAR ORDEM E DISCIPLINA NAQUELE LUGAR??
 
João da silva em 17/05/2011 10:55:24
Concordo com o comentário do sr. Nivaldo Silva, as autoridades responsáveis pela elaboração das leis, bem como as responsáveis em aplicá-las, deveriam conclamar a sociedade de um modo geral, através dos meios de comunicação, para fazer uma mudança radical na atual legislação penal, por que do jeito que as coisas estão acontecendo é terrível. Os menores de idade, com tendência de praticar atos criminosos, estão aproveitando da impunidade e dando de chinelos no cidadão brasileiro. O que temos assistido a nível nacional, é que a violência tomou as rédeas das autoridades. Isso é uma vergonha. O cidadão que paga seus impostos, cumprindo com todas suas obrigações, ter que viver com medo e praticamente preso, para não ser mais uma vítima, desses pivetes sem futuro, baderneiros, maconheiros, enfim, por falta de segurança. Isso é uma irresponsabilidade de maior gráu possível.
 
Jair Camilo Diniz em 17/05/2011 10:32:10
Meu Deus! È o horror! Na senzala tinha a autoridade dos pretos velhos! Nós não temos nenhuma autoridade! A que ponto chegamos, Srs. do Senado, Congresso Nacional, d. Dilma, a Srª. que é mãe, mulher, cade a sua sensibilidade, o que estão fazendo com nós brasileiros, se olhamos para os números, os $, somos a 7ª economia do mundo, se olhamos para o nosso povo, vemos um Haiti. Proteção demais desprotege, os jovens em nome de uma pseudo-liberdade, cidadania de mentira estão sendo acolhidos pelo trafico e os poucos que sobrarem serão suas vítimas. Os poucos que tem vós, judiciário, saiu do seu aquario, socorro?
 
maria amelia barbosa vieira em 17/05/2011 10:05:28
Para esse tipo de caso deveria haver pena de morte independente da idade, os as autoridades acham que ele não sabia o que estava fazendo
 
Fernando Michel em 17/05/2011 05:59:55
infelizmente é assim, pessoas boas tentam ajudar outras e dá nisso!!Que sirva de exemplo...qdo quiserem fazer caridade, vao ate uma instituição de caridade idonea e façam sua doação, nao ajudem vizinhos, conhecidos porque é nisso que dá vc ajuda um filho de uma p...como este, frequenta a sua casa e acaba assim! Fora a impunidade que vem agora por ele ser menor....Revoltante....
 
Elisa Zocal em 17/05/2011 05:42:05
e imaginar que daqui um ano ele está solto de novo. Nossa a lei devia mudar.
 
CARLOS DA SILVA em 17/05/2011 02:27:32
Vocês não sabem o que dizem. Ele é uma criança, não tem consciência do crime que cometeu. Na verdade a nossa Constituição deveria ser revista e aumentar a maioridade penal para 21 anos. Acho que com essa idade a pessoa está começando a ter consciência de seus atos.
Brincadeiras à parte, um cabo de vassoura bem grosso seria muito útil com esse marginal desgraçado.
 
Luiz Henrique em 17/05/2011 01:28:53
gostaria de saber se alguem dos direitos humanos foi na casa dos parentes desta senhora que este MENOR matou e ficou preocudado em saber como eles estão, como vão ficar, se tem dinheiro pra enterrar a vítima etc...
 
nilson da silva fagundes em 17/05/2011 01:18:09
Agora o "pobre menor" vai pra UNEI, que na verdade é escola de bandidos, aprende mais coisas ruins e logo está de volta às ruas...
Essas leis que protegem bandidos devem ser revistas...
Mas duro é esperar isso dos legisladores sujos que temos!!!!!!!
 
Wellington Sampaio em 17/05/2011 01:15:49
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions