ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
FEVEREIRO, QUINTA  22    CAMPO GRANDE 27º

Capital

Adolescentes não estão em abrigo como medida de segurança, diz conselho tutelar

Luana Rodrigues e Juliana Brum | 07/05/2015 10:54

De acordo com o Conselho Tutelar de Campo Grande, a adolescente vítima da exploração sexual de políticos moradora da Capital, não está em uma casa abrigo como medida de segurança. Segundo o conselho, as garotas estão sendo acompanhadas pelos órgãos de proteção à Crianças e adolescentes do município, mas foram abrigadas em um local não revelado para garantir que esteja segura em um endereço desconhecido.

A vereadora Carla Stefanini cobrou acompanhamento psicológico e proteção policial para as meninas. "Estivemos com a secretária Municipal de Assistência Social, Janete Beline, que desenvolve a parte de política pública de assistência à criança e aos adolescentes. Conversamos no sentido para que a rede possa promover a proteção física, psicológica e moral das adolescentes envolvidas", relatou a peemedebista.

Até o momento, a Polícia Civil indiciou cinco pessoas pela exploração sexual: o ex-vereador Alceu Bueno, o ex-deputado Sérgio Assis, o ex-vereador Robson Martins, o empresário Luciano Roberto Pageu e o cinegrafista Fabiano Viana Otero. Este último aceitou fazer delação premiada, na qual se comprometeu a denunciar e entregar provas contra mais 10 políticos.

Nos siga no Google Notícias