A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 17 de Agosto de 2019

22/02/2013 11:10

Alvo fácil, motos são levadas por ladrões para comércio de peças

Nadyenka Castro
Alvo fácil, motos são levadas por ladrões para comércio de peças

Alvo fácil de ladrões, motocicletas estão sendo furtadas para abastecer o comércio ilegal de peças e não saem da cidade. A constatação é da PM (Polícia Militar) e da Polícia Civil.

Não há números exatos de quantas motos são furtadas e roubadas diariamente, mas, conforme informações da Sejusp (Secretaria de Justiça e Segurança Pública), só entre quarta e quinta-feira pelo menos 10 foram levadas.

Delegado da Defurv (Delegacia Especializada de Repressão a Furtos e Roubos de Veículos), João Reis Belo, explica que a maioria das motos é desmanchada para que as peças sejam vendidas no ‘mercado negro’. “Eles vendem para particular, para comparsas”, diz.

De acordo com o delegado, a moto que não é aproveitada para desmanche, é trocada por drogas ou utilizada para cometer outros delitos e depois abandonada.

Quando o alvo é moto de maior potência, de maior valor, muitas vezes é levada para Bolívia ou Paraguai. Conforme o delegado, o índice de recuperação de veículos é alto.

A principal orientação para evitar que ladrões levem os veículos é não parar, não estacionar em local ermo e deixar o mais próximo possível de onde há movimentação de pessoas.

Desmanche – Na manhã desta quinta-feira, a Ciptran (Companhia Independente de Polícia Militar de Trânsito), descobriu um local de desova de motos desmanchadas.

Moradores do Jardim Campo Belo estranharam a movimentação de pessoas com moto em um matagal e acionaram a Polícia. Militares seguiram o trieiro na mata e encontraram carcaças de três veículos, um deles furtado em frente ao Shopping Campo Grande na última terça-feira.

Os policiais militares também afirmam que a maioria das motos furtadas e roubadas têm as peças retiradas para serem vendidas no mercado ilegal.

No começo do mês, o desmanche encontrado foi no bairro Oliveira II e a pessoa chegou até ele depois que uma vítima teve a moto roubada e fez uma investigação própria até levar a Polícia ao local.



Os maiores culpados disso são os próprios motociclistas que compram as peças roubadas e alimentam esta industria, se a roubo é porque existe mercado.
 
Fernando Limes em 22/02/2013 12:34:36
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions