A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

30/10/2012 16:49

Amigos e parentes de jovem morto por PM farão manifestação domingo, após missa

Será feita caminhada para que crime não saia no esquecimento

Nadyenka Castro
Amigos e familiares de Ike carregam caixão.(Foto: Minamar Júnior)Amigos e familiares de Ike carregam caixão.(Foto: Minamar Júnior)

Será neste domingo a missa de sétimo dia de Ike Cezar Gonçalves, 29, morto pelo policial militar Bonifácio dos Santos Júnior, de 36 anos, na madrugada do último dia 28, em Campo Grande.

A celebração está marcada para as 10 horas, na Igreja Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, localizada na avenida Afonso Pena, bairro Amambaí.

De acordo com Patrícia Ferreira, prima de Ike, após a missa será realizada uma manifestação para que seja feita justiça no caso.

Conforme Patrícia, parentes e amigos vão em sair em caminhada até o cruzamento da Afonso Pena com a Ernesto Geisel.

O objetivo é “não deixar o caso cair no esquecimento e pedir para que o policial seja exonerado”, disse a prima de Ike.

A família pede para que quem quiser acompanhar a celebração e a caminhada vá vestido de camiseta de cor branca. Famílias de vítimas da violência estão convidadas a participar do ato.

O caso – Ike foi morto com um tiro disparado pelo policial militar, quando tentava encerrar uma confusão na saída da casa de shows Santa Fé, localizada na rua Brilhante.

Ele ainda foi socorrido, mas, não resistiu aos ferimentos e morreu na Santa Casa. Hospital onde ele trabalhava como técnico de enfermagem. O policial e um amigo dele envolvido no caso estão presos.

Ike foi sepultado no dia em que completaria 30 anos. Ele deixou três filhos.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions