A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

04/08/2015 17:18

Após "boicote" de médicos, prefeitura pode retomar plantões em postos

Juliana Brum
Secretário Jamal Salem volta atrás e pede que médicos dobrem plantões (Foto - Arquivo)Secretário Jamal Salem volta atrás e pede que médicos dobrem plantões (Foto - Arquivo)

Sem médicos, a Prefeitura de Campo Grande cogita retomar o pagamento dos plantões para garantir o atendimetno nos postos de saúde. Na semana passada, dos 275 profissionais convocados, só 12 compareceram para assumir na rede púbica. 

Segundo Valdir Siroma, presidente do Sindicato dos Médicos, dos 275 médicos convocados pelo Diário Oficial do Município apenas 12 médicos compareceram. O município já sofre com o pedido de demissão de mais de 250 médicos neste ano.

O presidente também falou da insegurança em que a categoria está em relação à Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), que fez promessas e não cumpriu. Outro ponto é o escalonamento dos salários, com o pagamento dos maiores salários só no dia 20 deste mês.

"Amanhã (5) voltaremos a nos reunir com o secretário municipal de Saúde, Jamal Salem e com o secretário de Governo Paulo Matos pela manhã na secretaria para que eles possam nos passar por escrito o pedido de aumento de plantões dentre outras soluções, para que eu possa levar para a ser discutido em assembleia" explicou Siroma.

O secretário de Saúde, Jamal Salem confirmou a necessidade de aumentar o número de médicos. Ele destacou que o sindicato pode ajudar a prefeitura a solucionar o problema. De acordo com o titular da Sesau, falta médicos nos postos da Capital nos finais de semana.

"Precisamos completar o número de médicos 24 horas nos postos, com urgência" disse Salem.

 

 

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions