A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 19 de Agosto de 2019

07/08/2019 13:01

Aposentado é encontrado em córrego depois de mais de 24 horas sumido

O idoso estava caído na margem do córrego e o Corpo de Bombeiros foi acionado para fazer o resgate

Anahi Zurutuza e Clayton Neves
Bombeiros no momento do resgate (Foto: Clayton Neves)Bombeiros no momento do resgate (Foto: Clayton Neves)

O aposentado Adão Pereira da Silva, 75 anos, que estava desaparecido desde a manhã de ontem (6), foi encontrado por volta das 12h próximo a uma ponte que passa sobre o Córrego Botas, a cerca de 100 metros da BR-163, na zona norte de Campo Grande. O idoso estava caído na margem do córrego e o Corpo de Bombeiros foi acionado para fazer o resgate.

Adão foi visto por Ronaldo Fernandes Viegas, de 62 anos, amigo da família que junto com parentes do aposentado fazia buscas pela região. Ele estava com metade do corpo na águ, consciente e reconheceu os parentes, mas não soube explicar ainda o que aconteceu.

O Batalhão de Choque e outra equipe da PM (Polícia Militar) também foram chamadas e fazem buscas na mata porque as pessoas que procuravam o idoso afirmam ter visto um homem de camisa preta sair correndo no momento que gritaram pelo idoso. Na margem do córrego, há um barraco de lona.

O aposentado, contudo, foi encontrado com o dinheiro e os remédios que levou quando saiu de casa, na manhã de ontem (6). Por isso, os bombeiros acreditam que ele não tenha sido vítima de assalto, mas que tenha se perdido. Ele foi levado numa maca para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Bairro Coronel Antonino, onde receberá atendimento médico.

“Não temos palavras pra explicar o que a gente passou. Agora, a sensação é de paz e agradecemos a Deus por ele estar com vida”, disse o filho de Adão, Esmael Pereira da Silva, de 42 anos, que estava no local das buscas.

Policiais militares também foram acionados e fazem buscas no local que o idoso foi encontrado (Foto: Clayton Neves)Policiais militares também foram acionados e fazem buscas no local que o idoso foi encontrado (Foto: Clayton Neves)

Sumiço – O idoso saiu de casa, no Jardim das Mansões, para “resolver um assunto”. Ele foi deixado por um motorista de aplicativo no Bairro Vida Nova, que também fica a região norte da Capital.

Segundo outro filho do aposentado, o representante comercial Edson Pereira da Silva, 45, o pai não tem costume de sair sozinho e é a primeira vez que desaparece. “Ele saiu de casa cedo e disse para minha mãe que tinha que resolver um assunto, mas não falou o que era”, contou ao Campo Grande News mais cedo.

Adão saiu de casa levando a quantia de R$ 600. O aposentado foi visto às 10h30 na Praça Ary Coelho, na região central da cidade. Por volta das 12h, ele pegou um carro de aplicativo nas proximidades da Unigran rumo ao bairro Jardim Colúmbia, na saída para Cuiabá. A corrida foi acionada pelo celular de uma terceira pessoa.

O filho do aposentado conseguiu localizar o motorista de aplicativo. À família, o homem disse que quando estava próximo ao endereço que deixaria o idoso, Adão pediu para mudar a rota. Ele foi deixado na Rua Santo Augusto, no bairro Vida Nova e, desde então, a família não havia conseguido mais nenhum contato com o aposentado.

Idoso está desaparecido desde a manhã de ontem (6). (Foto: Arquivo pessoal)Idoso está desaparecido desde a manhã de ontem (6). (Foto: Arquivo pessoal)
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions