ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, SEXTA  12    CAMPO GRANDE 11º

Capital

“Aqui seus direitos”, diz policial ao agredir mulher em saída de balada

Jovem garante que ficou parcialmente surda e que amiga acabou desacordada por uso de gás de pimenta

Por Kamila Alcântara | 17/06/2024 19:18

Circula pelos aplicativos de mensagens um vídeo que mostra quando policial militar agride jovem com toalha molhada e dá um tapa no rosto da garota e a lança no chão. A ação aconteceu na madrugada do último domingo (16), em frente a Arena Green Hall, localizada na Avenida Tamandaré em Campo Grande.

O Campo Grande News encontrou com a jovem, de 20 anos, que já havia passado por atendimento na Corregedoria da Polícia Militar e aguarda pelo exame de Corpo de Delito.

Segundo ela, todos estavam pacificamente em frente à casa noturna, localizado na Avenida Tamandaré, na espera do carro por aplicativo ou comendo lanche no trailer montado ali, quando a equipe da PM os surpreendeu.

“Estávamos sentados no meio-fio, havia algumas pessoas lanchando na barraquinha ou esperando o carro. Os policiais chegaram, com spray de pimenta, deliberadamente, começaram a atacar com toalhas molhadas e tudo mais. Até que um se aproximou e mandou eu sair da frente, respondi que sabia dos meus direitos, que podia estar ali. A resposta dele foi: ‘aqui seus direitos’, me deu um tapa forte na cabeça e ainda me puxou pelo braço para me jogar no chão”, relata a moça, que pediu para ter o nome preservado.

Mesmo ferida, ela pensou em não denunciar o caso porque era a versão do contra contra a palavra dos policiais.

Jovem mostra joelho ralado após agressão (Foto: Direto das Ruas)
Jovem mostra joelho ralado após agressão (Foto: Direto das Ruas)

Só que horas depois, a mãe dela recebeu o vídeo e a identificou sendo agredida violentamente. “Eu e o pai dela nunca precisamos bater nela. Não estava fazendo nada de errado, foi até de carona para voltar em segurança. É revoltante ver aquele vídeo! Policial é para manter a ordem, com abordagem padrão, com mão para cima e revista, não já partindo para agressão. Agora minha filha está sem escutar do lado que levou o tapa”, diz a mãe da vítima, de 35 anos.

Ainda segundo a jovem, uma das amigas chegou a ficar desacordada por causa do spray de pimenta. “Foi um desespero! Quando nosso carro chegou, ajudamos nossa amiga a sair dali e fomos embora. Até pensei em não registrar nada, mas minha mãe insistiu, principalmente depois do vídeo provando que não tinha motivo para aquela atitude”, termina a jovem.

Juntas, mãe e filha foram atendidas na 5ª Delegacia de Polícia Civil e depois ouvidas na Corregedoria. A reportagem entrou em contato com a Polícia Militar de Mato Grosso do Sul, mas até o fechamento da matéria não houve retorno.

Jovem foi ouvida na Corregedoria da Polícia Militar (Foto: Alex Machado)
Jovem foi ouvida na Corregedoria da Polícia Militar (Foto: Alex Machado)

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias