A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

06/02/2014 13:08

Armamento da Guarda Municipal está previsto para 2015, diz comandante

Luciana Brazil
Comandante diz que armamento deve ser efetivado em 2015. (Foto:Cleber Gellio)Comandante diz que armamento deve ser efetivado em 2015. (Foto:Cleber Gellio)

O armamento da Guarda Municipal de Campo Grande, já decretado pela Prefeitura, só será efetivado em 2015, de acordo com o comandante da corporação, o coronel Jonys Cabrera.

Na manhã de hoje (6), ele afirmou que, além da seleção dos 150 policiais que poderão trabalhar armados, a corporação ainda precisa iniciar a construção do Centro de Ensino e de Desenvolvimento de Pessoas que vai oferecer capacitação e atendimento aos servidores.

A chefe da Divisão de Ensino da Guarda Municipal, a cabo do Corpo de Bombeiros, Ana Paula Correia da Silva, explicou que a medida de armar a Guarda partiu da análise de diversas situações como áreas vulneráveis da cidade, índices de criminalidade e registro de ocorrências.

“Por meio dessas análises foram definidas as áreas de atuação, os pontos específicos da cidade e qual era a necessidade real de guardas armados”.

Verba- A Guarda Municipal firmou um convênio com o Ministério da Justiça em 2013, onde foram repassados R$ 590 mil para a construção do Centro de Ensino e De Desenvolvimento de pessoas.

“O convênio deu suporte para exista a estruturação do centro. Lá, será oferecido atendimento integral aos guardas como atendimento psicológico, de assistência social e física”.

Conforme Ana Paula, terão início os processos de licitação, além da compra dos equipamentos.

 

OAB promove em julho audiência sobre armamento da Guarda Municipal
A OAB/MS (Ordem dos Advogados do Brasil) de Mato Grosso do Sul vai realizar, em julho, uma audiência pública para discutir o uso de arma de fogo pelo...
Prefeito defende armamento da Guarda Municipal, mas com treinamento
O prefeito Alcides Bernal (PP) defendeu, na manhã de hoje, durante entrevista a rádio Tribuna Livre, o armamento dos agentes da Guarda Municipal de C...
Vereadores promovem audiência pública para debater armamento da Guarda Municipal
Amanhã a Comissão Permanente de Segurança Pública da Câmara Municipal de Campo Grande, presidida pelo vereador Otávio Trad (PTdoB), realizará audiênc...


Concordo com os dois comentários citados acima,poucas pessoas sabem que existem ainda guardas trabalhando no limite;raciocina comigo;primeiro é cortado o brasilcard destes coitados unica forma de se ter algo descente para se comprar,depois somam - se as distâncias que se percorre até chegar no local de trabalho,não se tem direito ao passe livre coletivo,fardamento não tem,existe tratamento diferenciado para quem trabalha diretamente com a Base Central,nada se consegue com lá.Agora você vai dar armamento só para 150 pessoas e quem esta lá na periferia,como fica? Sera que o salario destes que andarão com armas sera igual a de todos os outros GMs? Então Guardas reivindiquem seus direitos porque o trabalho de todos eu digo todos é igual,se tem pra um tem que ter para todos.
 
Vãnia dos Santos Silva em 06/02/2014 17:50:11
Nunca vi tanta burrice na minha vida,vale lembrar que o maravilhoso prefeito de Campo Grande,tirou o vale alimentação dos GMs,para dar armas somente para 150 homens,espero que eles estejam com fome de balas,só espero que o ganho do salário.seja igual para todos e não só para 150 pessoas, este prefeito conseguiu cortar um beneficio que era de todos agora fica se achando e tem GMs que estão amando esta situação.Quanta burrice e hipocresia,acorda Guardas Municipais,vocês tem outros direitos a ser visto,abram seus olhos antes que seja tarde,lembre - se que tem muita gente descente nesta profissão e precisa de um olhar mais profissional e honesto.
 
Pedro da Silva em 06/02/2014 15:11:44
Nunca vi tanta burrice na minha vida,vale lembrar que o maravilhoso prefeito de Campo Grande,tirou o vale alimentação dos GMs,para dar armas somente para 150 homens,espero que eles estejam com fome de balas,só espero que o ganho do salário.seja igual para todos e não só para 150 pessoas, este prefeito conseguiu cortar um beneficio que era de todos agora fica se achando e tem GMs que estão amando esta situação.Quanta burrice e hipocresia,acorda Guardas Municipais,vocês tem outros direitos a ser visto,abram seus olhos antes que seja tarde,lembre - se que tem muita gente descente nesta profissão e precisa de um olhar mais profissional e honesto.
 
William da Silva Mendes em 06/02/2014 15:06:43
Mas eles já andam armados, não viram o que aquele pistoleiro guarda municipal fez? Matou um delegado aposentado.,
 
Charles Luciano em 06/02/2014 13:42:12
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions