A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 18 de Abril de 2019

07/12/2018 16:15

Atenção apressadinhos: 4 radares estão prontos para multar após campanha

Por enquanto, Agetran vai alertar motoristas que ultrapassarem limite de velocidade

Mayara Bueno
Radar embaixo do viaduto da Rua Ceará está ligado, mas ainda em fase de teste. (Foto: Kísie Ainoã).Radar embaixo do viaduto da Rua Ceará está ligado, mas ainda em fase de teste. (Foto: Kísie Ainoã).

Quatro radares, até então desativados, estão ‘prontos’ para multar quem desrespeitar os limites de velocidade. No entanto, até 21 de dezembro, o período será de campanha para alertar os motoristas.

Faixas no asfalto vão avisar sobre os equipamentos. Depois, “quem não seguir a legislação, será multado”, avisa o município. Hoje, já estão ligados, mas ainda em teste, os radares na Rua Ceará, em baixo do viaduto na via sentindo norte-sul.

Outro ponto é a Avenida Afonso Pena, logo após o viaduto no sentido centro-bairro. Por fim, o teste também já começa na Avenida Gury Marques, 3203, em frente à Universidade Anhanguera, nos dois sentidos da via.

Os motoristas que ultrapassarem a velocidade permitida no período de campanha vão receber um informativo em papel amarelo, que não gera multa. Será apenas no sentido de informar o motorista sobre o equipamento.

Segundo o diretor-presidente da Agetran (Agência Municipal de Trânsito), Janine de Lima Bruno, “boa parte” dos radares na Capital foi instalada, mas nem todos aferidos. Só a partir desta medida é que os equipamentos serão ligados, com um novo período de campanha educativa. Ao todo, serão 236 medidores de velocidade.

Há quase dois anos

Em Campo Grande, os equipamentos estão desligados há quase dois anos. O contrato entre o município e a Prefeitura de Campo Grande venceu em 2016 e, desde então, houve problemas na licitação para um novo contrato, até que foi fechado com o Consórcio Cidade Morena Perkons por R$ 15,4 milhões.

Na Avenida Afonso Pena, sentido Parque das Nações, equipamento está ligado também. (Foto: Kísie Ainiã)Na Avenida Afonso Pena, sentido Parque das Nações, equipamento está ligado também. (Foto: Kísie Ainiã)


Os radares não passam de picaretagem contra a população.
Não resolvem nada. As pessoas continuam morrendo aos montes no trânsito.
 
Critico em 08/12/2018 22:55:08
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions