A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

31/05/2011 15:07

Autor de furto de R$ 10 mil mentiu idade e saiu há 15 dias do presídio

Paula Maciulevicius

Policiais colheram impressão digital e identificaram o autor que se passou por adolescente

O autor do furto de R$ 10 mil em mercadorias de uma loja no centro, na madrugada de hoje, que disse ser adolescente foi identificado como José Antônio Nunes, 18 anos. Ele saiu há 15 dias do presídio de Trânsito, onde cumpriu pena por furto em loja.

Ele foi flagrado por policiais militares do 1º BPM (Batalhão da Polícia Militar) com jóias, relógios, óculos e um televisor de LCD, depois que um guarda contou à Polícia ter visto um homem passar com uma sacola e um monitor nas mãos.

José Antônio deu outro nome aos policiais e disse que tinha 17 anos. Policiais da Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro, para onde o até então adolescente foi levado, desconfiaram pelo porte físico de que o autor tivesse menos de 18 anos.

Depois de colhida impressão digital, ele foi identificado e autuado por furto qualificado. José Antônio mentiu o nome e a idade porque adolescente só é apreendido em casos de violência e grave ameaça.

O delegado da Depac Centro, João Eduardo Davanço explica que mesmo quando autores de crimes não fornecem a identificação, existem outros meios de obtê-la. “Nós olhamos no sistema para verificar se é aquela pessoa”.

O jovem tem diversas passagens pela polícia, por furto, tentativas de furto, roubo, violação de domicílio e crime patrimonial. O último furto ocorreu no dia 22 de abril, em uma loja de roupas no centro da Capital.

José Antônio será encaminhado para o presídio de Trânsito, novamente.

Adolescente é apreendido depois de furtar R$ 10 mil em mercadorias
Adolescente foi flagrado por guarda que acionou a PMUm adolescente de 17 anos foi flagrado por policiais militares do 1º BPM (Batalhão da Polícia Mi...
Terminal rodoviário de Campo Grande oferece cartões de Natal gratuitos
A rodoviária de Campo Grande, mais um ano, oferece gratuitamente cartões de Natal gratuitamente para os passageiros que passarem pelo local até o pró...
Universidade do MS recebe certificação de excelência em gestão
Será recebida pela UCDB (Universidade Católica Dom Bosco) em solenidade que acontece na próxima segunda-feira (18) o certificado de excelência em ges...
Águas Guariroba continua com campanha de renegociação de dívidas
Vai até o dia 29 deste mês a campanha "Fique em Dia", realizada pela Águas Guariroba para renegociar as dívidas que os consumidores têm com a empresa...


Que Justiça boa essa nao é mesmo e lotada de pessoas cultas? E o pior Ainda é que acreditam na palavra de bandido. É mole ou quer mais? Na minha opiniao, sou Contra cadeia pra ladrao, Acho que seria muito melhor ir cortando partes do corpo dele equivalente aos roubos cometidos tipo: dedos,maos, braço, pernas ate o individuo aprender ou morrer despedaçado. Sem contar que tds iriam saber que se trataria de um ladrão. Infelizmente nao tenho poderes para isso, porque se tivesse nao existiria cadeia, uma q a bandidagem de Alto escalao tipo traficantes, assassinos e estupradores seriam todos sentenciados Com a Pena de morte. Que Pena que isso não passa de um sonho meu.
 
Lucy Santos em 01/06/2011 10:32:20
Daqui a poucos dias este bandido estará nas ruas novamente, certeza!!
Essa lei prisional do "Brazil" é uma vergonha alheia!
 
Wellington Sampaio em 31/05/2011 09:39:14
PARA ESTAS CARA CONSIDERADOS FERAS....JAULA NELES.....
 
henrique oliveira em 31/05/2011 04:55:22
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions