A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 23 de Setembro de 2018

01/09/2018 11:31

Bairro paga 40% da obra e Guarda Civil inaugura base no Estrela do Sul

Unidade Operacional do Segredo deixa o Seminário e passa a funcionar no Estrela do Sul, moradores bancaram cerca de 40% da obra

Humberto Marques e Mirian Machado
Parceria entre prefeitura e moradores do Estrela do Sul viabilizou nova sede da Base Operacional do Segredo. (Foto: Paulo Francis)Parceria entre prefeitura e moradores do Estrela do Sul viabilizou nova sede da Base Operacional do Segredo. (Foto: Paulo Francis)

Foi inaugurada neste sábado (1º) a nova sede da Base Operacional do Segredo da Guarda Civil Metropolitana. A unidade, responsável por atender a 115 mil pessoas que vivem nessa região urbana e que antes funcionava no Jardim Seminário, foi transferida para um imóvel na rua Dr. Jivago, no Estrela do Sul –norte da cidade–, reformado em parceria com a Associação de Moradores do bairro.

Quase metade da obra foi paga pela comunidade. “Cerca de 40% do projeto do prédio é da Associação de Moradores, explicou o secretário Valério Azambuja (Segurança e Defesa Social), segundo quem a unidade ficará responsável pelos 16 grandes bairros que integram a região urbana –que vai do Jardim Columbia ao José Abrão, de norte a oeste da cidade.

A obra teve início a pedido de moradores, que apontaram problemas para uso de uma praça na região. “Mais de 100 pessoas contribuíram, entre empresários, moradores. Um deu cimento, o outro areia, ferro, pedra, e veio junto todo o material. O arquitetou planejou e aí, conforme ia andando, os moradores foram ajudando”, afirmou Delcides Nunes, 58, morador do bairro há 38 anos –quando o Estrela do Sul foi inaugurado.

Já a mão de obra coube à Sisep (Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos), por meio do Proinc. “Eles colocaram a mão na massa e fizerma acontecer”, destacou Nunes, emocionado, ao apontar que apenas a construção do prédio já resolveu um problema do bairro: a praça onde está localizado havia se tornado ponto de encontro de usuários de drogas, sendo registrado, ainda, aumento no número de roubos na região.

“A base da Guarda ficou bem centralizada, vai atender a todas as regiões, não exclusivamente o Estrela, mas ficamos felizes porque ficamos no centro e vai servir toda a região”, destacou o presidente da associação. Entre o início da obra e a entrega, frisou ele, transcorreram-se 90 dias. O imóvel tem cerca de 80 metros quadrados, contando com alojamento, sala de reunião e de administração e posto de atendimento à população, sendo investidos cerca de R$ 90 mil –R$ 60 mil da prefeitura e R$ 30 mil da comunidade.

Base contará com duas viaturas, motos e escalas que contarão com 12 guardas em regime 24 horas. (Foto: Paulo Francis)Base contará com duas viaturas, motos e escalas que contarão com 12 guardas em regime 24 horas. (Foto: Paulo Francis)
Presidente do bairro, Delcides Nunes conta que obra foi resultado de união da população. (Foto: Paulo Francis)Presidente do bairro, Delcides Nunes conta que obra foi resultado de união da população. (Foto: Paulo Francis)

“Trata-se de um sonho de toda a população da região do Segredo. Dos 220 eventos e muitas obras inauguradas, tirando evidentemente os Ceinfs e postos de saúde, aqui foi a que mais teve receptividade da população”, destacou o prefeito Marquinhos Trad (PSD), segundo quem a obra ajudará na melhoria da segurança da cidade.

Na unidade, serão lotados 89 guardas civis metropolitanos, sendo 28 deles em atividades operacionais, além de duas viaturas e duas motocicletas, com atendimentos em regime 24 horas. “A cada período serão 12 guardas trabalhando em rondas nos parques, escolas, Ceinfs (Centros de Educação Infantil)”, disse o secretário. Segundo ele, a região do Segredo conta com 64 próprios municipais –de prédios públicos a praças–, sendo que em 44 há guardas lotados.

“Esses que não têm efetivo receberão atenção especial. Não temos efetivo suficiente para colocar pessoal nos 505 postos do município. A Base Operacional vem justamente para atender a essa demanda, gerando mais proximidade e segurança”, pontuou Valério Azambuja. “O envolvimento da população foi de suma importância, juntando a logística e inteligência operacional com o interesse da comunidade”, emendou.

Mais mudanças – Valério Azambuja informou, ainda, que dentro de 60 dias será transferida para a antiga sede da Base Operacional do Segredo a sede da Gerência de Trânsito da Guarda Civil Metropolitana, que hoje funciona ao lado do Horto Florestal, no Centro. “Vamos reformar e nos próximos 60 dias vai colocar lá a Gerência de Trânsito, que hoje funciona no Horto”, afirmou.

A prefeitura já havia inaugurado novas sedes para a Guarda Municipal nas regiões do Prosa, Bandeira e do Imbirussu. A próxima a ser beneficiada será a região urbana do Lagoa: a unidade, com até 100 metros quadrados, será construída em uma área pública na rua da Pátria, onde antes funcionava o Centro Comunitário do Taveirópolis –atrás da Escola Estadual José Antônio Pereira. Atualmente, a unidade funciona anexa à Associação dos Moradores da Coophamat.

“Vamos trazer mais para uma área central, estrategicamente em uma região onde há mais próprios do município, mais praças e um clamor muito grande da população. Vamos lançar a obra em 60 ou 90 dias”, destacou Valério.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions