A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

21/10/2014 10:41

Baleados em tiroteio no Batistão continuam internados na Santa Casa

Francisco Júnior
Suspeitos do crime presos na Depac da Vila Piratininga. (Foto: Francisco Junior)Suspeitos do crime presos na Depac da Vila Piratininga. (Foto: Francisco Junior)

Dois homens baleados em um tiroteio ocorrido na noite de domingo (19), em uma casa no Jardim Batistão, em Campo Grande, continuam internados na Santa Casa.

Wanderson Escobar Soares, 27 anos, foi atingido por dois disparos e Jorge Lhopes Barbosa, 52 anos, por um. O estado de saúde deles é considerado estável .

O tiroteio terminou com a morte de Maria Clara Silva Santos, de 2 anos e 11 meses. Ela estava com a mãe na casa, onde acontecia uma festa de aniversário.

O crime aconteceu depois que Gabriel Henrique Amorim Bernardo, 22 anos, esteve na festa e agrediu uma mulher que estava no local. Wanderson e o irmão dele, José Atanazio Soares Barbosa, 29 anos, intervieram e não deixaram o rapaz agredir a mulher. Os dois irmãos bateram em Gabriel.

O rapaz quis se vingar e chamou Marcos Antônio Reis Santos, 20 anos, e Elvis Henrique Ortega Cheles, 21 anos para ajudá-lo. Segundo a polícia, os dois homens foram até a casa e descarregaram dois revólveres.

Os tiros feriram cinco pessoas e mataram a criança de 2 anos.

Todos os envolvidos foram identificados e presos, entre eles Douglas Aparecido de Oliveira Batista, 18 anos, motorista que levou os atiradores até a casa.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions