A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

08/10/2013 16:26

Bancários radicalizam greve e “pane” pode atingir caixas eletrônicos

Mariana Lopes
Bancos estão em greve há 20 dias e amanhã 100% das agências devem aderir à paralização (Foto: Cleber Gellio)Bancos estão em greve há 20 dias e amanhã 100% das agências devem aderir à paralização (Foto: Cleber Gellio)

Em 20 dias de greves, muitas agências bancárias de Campo Grande já aderiram à greve e voltaram a funcionar. Porém, a previsão para amanhã é de que 100% dos bancos fechem as portas e funcione apenas com 5% do efetivo. Nesta terça-feira, 97% das agências fecharam. A radicalidade dos bancários pode atingir, inclusive, os caixas eletrônicos, segundo funcionários de algumas agências.

Segundo a presidente do Sindicato dos Bancários, Iaci Azamor, das 100 agências da Capital, 97 ficaram fechadas nesta terça-feira (8). O Banco do Brasil, que até ontem estava com as portas abertas, hoje aderiu à greve e fechou todas as agências.

Embora a paralisação seja um direito da categoria, que luta por reajuste salarial, quem sente a consequência são os próprios clientes. Na tarde de hoje, o movimento nos bancos era menor do que o de ontem, que foi dia de pagamento de muitos trabalhadores, mas ainda assim houve pessoas reclamando que não conseguiu realizar alguns serviços.

Desempregado e esperando para retirar o FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), Norimar da Silva, 42 anos, está desde o dia 20 de setembro com o dinheiro liberado pela empresa e sem poder retirar, pois preciso de uma chave da Caixa Econômica Federal.

“Estou há mais de 15 minutos aqui parado e ninguém veio aqui nem conversar comigo para tentar resolver meu problema, o banco fechado e eu sem poder receber, preciso do dinheiro para consertar minha moto”, reclama Norimar.

Na mesma agência, a costureira Janete Franco, 57 anos, precisava fazer um depósito, mas não conseguiu nem envelope para realizá-lo pelo caixa eletrônico. “Está difícil, na boca do caixa não dá, porque não tem funcionário, e aqui não tem envelope, a mulher do banco disse que ia ver pra mim, mas até agora nada, tenho que depender da boa vontade deles”, comenta a costureira.

Ela afirma que já tentou depositar o cheque em outras agências, mas não conseguiu. “Fui até uma Caixa na saída para Aquidauana, e moro perto do Morenão, é um transtorno, temos que ficar perambulando a cidade para achar uma agência que funcione, mas aprece que não tem”, diz Janete.

No Itaú da avenida Afonso Pena, quem também deixou a agência desapontado foi o vendedor Wellington Person de Souza Cavalcante, 26 anos. Ele precisava pagar o boleto vencido do financiamento do carro, mas não conseguiu fazer o serviço pelo caixa eletrônico, que não calcula os juros.

“Me senti prejudicado, mas não tenho o que fazer, só esperar a greve acabar para poder pagar a parcela atrasada”, diz Wellington, com tom de conformismo.

Quem não conseguiu fazer o serviço nas agências bancárias, teve que apelar para as Lotéricas. A cozinheira Rosana da Silva Goes, 39 anos, por exemplo, costuma depositar o cheque do salário na própria conta e já pagar os boletos que tem.

Mas neste mês, precisou pedir à patroa dela que a pagasse em dinheiro e ela acabou pagando as contas na Lotérica. “Na verdade eu tive sorte, se minha patroa não tivesse me dado o dinheiro, não sei o que ia fazer como ia fazer para pagar minhas cobranças”, relata Rosana.

Ontem, os bancários rejeitaram a contraproposta apresentada na última sexta-feira (4) pela Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) e decidiram continuar em greve. A proposta da Fenaban, que elevou o reajuste de 6,1% para 7,1%, foi considerada “melhoria irrisória” pelo Comando Nacional dos Bancários, que orientou as federações e sindicatos a rejeitar o ganho salarial de 0,97% – parcela acima da inflação de 6,1% acumulada nos últimos 12 meses.

Os bancários pedem reajuste de 11,93% (aumento real de 5%) e valorização do piso salarial e dos vales refeição e alimentação, entre outros benefícios.

Bancários rejeitam nova contraproposta patronal e mantêm greve
Bancários de todo o país rejeitaram hoje (7) a contraproposta apresentada sexta-feira (4) pela Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) e decidiram co...
Serasa diz que greve dos bancários explica queda de 9,8% na busca por crédito
O número de pessoas em busca de crédito diminuiu 9,8%, em setembro, comparado a agosto, segundo o Indicador Serasa Experian da Demanda do Consumidor ...


TODOS QUE FORAM LESADOS, DEVEM SIM PROCESSAR ESSES...
 
WALMIR SOUZA em 13/10/2013 11:38:33
QUERIA SABE ATÉ QUANDO VAI CONTINUAR ESSA PALHAÇADA E NINGUÉM TOMA PROVIDÊNCIAS...ESTOU COM MUITA RAIVA, PRECISO IR ATÉ A CAIXA ECONÔMICA PARA REGULARIZAR UMA SITUAÇÃO DO MEU FGTS, DAR ENTRADA EM UM FINANCIAMENTO E NÃO POSSO. TENHO QUE ESPERAR A BOA VONTADE DOS BANCÁRIOS E O GOVERNO NADA...É UMA ABSURDO...
 
ELIANE FERREIRA em 09/10/2013 17:34:43
Quem tem conta em banco tem cartão magnético e pode utilizá-lo em caixas eletrônicos e é possível retirar até hum mil reais por dia nesses caixas, alguns ainda tiveram seus limites de saques duplicados, ou seja, dá pra sacar 2 mil reais por dia em caixa eletrônico, não basta? Todas as contas podem ser pagas nos caixas eletrônicos, repito, por que tanto sofrimento pessoal?
 
antonio carlos em 09/10/2013 14:16:54
Não entendo como as pessoas dependem tanto dos Bancos, a maioria das pessoas que enfrentam uma fila para utilizar o caixa, por exemplo, não precisaria estar ali. Se vc tem conta e recebe salário nela, pra que sacar todo o dinheiro e depois ficar pagando as contas no caixa? Ainda não inventaram o cartão de débito para efetuar compras? Raramente eu carrego dinheiro, pago tudo no cartão de débito e as contas eu pago pela internet ou caixa eletrônico e o pouco dinheiro que eventualmente preciso, tiro no caixa eletrônico que hoje tem até em farmácias, ou seja, se a greve dos bancários não me afeta em nada, por que tanta gente sofre tanto?
 
antonio carlos em 09/10/2013 14:11:26
EU ACHO UMA SACANAGEM, PORQUE OS FUNCIONÁRIOS COM CERTEZA ESTÃO TENDO ACESSO A RETIRADAS, PAGAMENTOS, RECEBIMENTOS EM BENEFICIO PRÓPRIO, POIS ESTÃO LA DENTRO, E NÓS? AHH VÁ 7,1 TA ÓTIMO, ELES TEM OUTRAS VANTAGENS TAMBÉM, ESTÃO RECLAMANDO DE QUE?? FALA SÉRIO.. REVOLTADÍSSIMA.. TEM GENTE JÁ SEM COMIDA POR CAUSA DELES.
 
PATRICIA MARTINS em 09/10/2013 11:27:35
-Não concordo com o Sr. Raul Santos; reivindicar melhoria própria é um dever de todos, mas nunca impor "penas" aos seus semelhantes. Porque sabotar Caixas Eletronicos? Se vocês querem protestar para melhorar a condições de vida, devem lembrar que a população já está pagando caro pela ditadura tirânica de seus sindicalista, que querem apenas se promoverem perante a classe. Pensem também na população.
 
luis tibo em 09/10/2013 10:07:46
UM ABUSO, TODO ANO A MESMA COISA.. QUEREM OS DIREITOS.. MAS O NOSSO DIREITO DE TER ACESSO AO "NOSSO" DINHEIRO ? SERÁ QUE TEREMOS QUE CHEGAR A UM PONTO DE GUARDAR TDO DE BAIXO DO COLCHÃO ? SE TODAS AS CATEGORIAS QUE QUEREM AUMENTOS E DIREITOS PARAREM.. PÁRA O PAÍS.. POUCA VERGONHA PERMITIR RETER O DINHEIRO QUE É NOSSO POR TANTOS DIAS.. ISSO DEVERIA SER PASSÍVEL DE AÇÃO .. PROCESSAR BANCOS, BANCÁRIOS E SINDICATOS...VERGONHA.. DESRESPEITO...
 
LINA MAFFEI em 09/10/2013 09:46:37
Cadê o percentual mínimo de 30%??? Já estão radicalizando e quem paga somos nós!!! Cadê a justiça que não se pronuncia?
 
Marcos Rumolli em 09/10/2013 06:15:04
Prejudicar o povo já é sacanagem. Isso eu não apoio!
 
Aline Carvalho em 08/10/2013 20:46:10
TEMOS QUE FAZER UM MOVIMENTO PRA ATINGIR ESSES SINDICALISTAS, QUE TODO ANO TRAVAM O BRASIL COM ESSA TAL GREVE, MEU SALARIO NÃO AUMENTO TODO ANO POWWW!!! PELO AMOR DE DEUS QUER GANHAR MAIS PASSA EM ALGUM CONCURSO BOM UAI!!!
 
LUCAS MOTA em 08/10/2013 19:48:22
Nós bancários lamentamos pela população que assim como nós sofrem todos os dias nas mãos do banqueiro. Banqueiro este que tirou vários postos de serviços, onde temos que nos desdobrar para atender com um mínimo de dignidade a população que nos procura, mas como cada vez temos menos bancários, maior o tempo de espera do cliente, em minha agência não é raro ver clientes esperando por mais de uma hora. Isso significa que os banqueiros ano após ano tem lucros exorbitantes com suas taxas de juros altíssimas, fora as tarifas fora da realidade, e ainda jogam a população contra nós bancários, mas o único jeito após meses de negociação foi a greve, ao contrário do que os leigos pensam, não gostamos de greve, temos que repô-la depois trabalhando até tarde, não somos funcionários públicos.
 
Raul Santos em 08/10/2013 19:26:55
AS CASAS LOTÉRICAS JÁ COMEÇARAM A REDUZIR O HORÁRIO DE RECEBIMENTO DE DEPÓSITOS E BOLETOS DE COBRANÇA, ALGUMAS LOTÉRICAS SÓ ESTÃO FAZENDO OS RECEBIMENTOS ATÉ ÁS 16:00 HORAS, E A TENDÊNCIA E SÓ AUMENTAR A ADESÃO.
 
Sérgio Gonçalves da Rocha em 08/10/2013 18:52:46
Bancários, tal como políticos, trabalham em benefício próprio. Creio que a partir do momento em que lesa a população, cabe a justiça determinar ou o fim da greve ou o funcionamento dos bancos, para atender a população.
 
Eduardo Semir em 08/10/2013 18:43:34
Estou indignada com essas greves que nunca tem fim,pois faço faculdade e ja estou com a mensalidade atrasada, e ja nao é baratoo e ainda atrasaa e terei q pagaar juros ainda e agora só Deus sabe quando é que essas greves vai continuaar, enquanto isso os juroos vao comendoo affs indignadissimaaaa :/
 
Suellen Gonçalves Moreira da Silva em 08/10/2013 18:23:04
Olha só digo uma coisa, para os funcionarios bancarios, sao todos sem coração, depois vem falando coitado do povo brasileiro. deixar familia sem dinheiro é o que.? passando fome. eles estao la dentro a qualquer hora se precisarem pegam um dinheiro....... Pensem um pouco nos outros........... nao somente em si proprio.....
 
marcio dias em 08/10/2013 17:37:00
Agora mais do que nunca fico satisfeito em ser cliente do Sicredi, pois por ser cooperativa de crédito não participa da greve dos bancários.
 
rodrigo correia em 08/10/2013 17:10:20
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions