A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

12/12/2014 07:22

Batalhão de Choque apreende pistolas de uso restrito com três jovens

Renan Nucci
Choque apreendeu três pistolas durante operação realizada na noite de ontem, em Campo Grande. (Foto: Divulgação)Choque apreendeu três pistolas durante operação realizada na noite de ontem, em Campo Grande. (Foto: Divulgação)
Entre as armas apreendidas está uma pistola que foi furtada do carro de um policial civil. (Foto: Divulgação)Entre as armas apreendidas está uma pistola que foi furtada do carro de um policial civil. (Foto: Divulgação)

O Batalhão de Choque da Polícia Militar de Campo Grande prendeu na noite de ontem (11), três jovens flagrados com pistolas de uso restrito nos calibres .40, 9mm e 380. Rafael da Silva Arruda, 21 anos, Thiesero Luan Quevedo dos Santos, da mesma idade, e um adolescente de 17 anos, também estavam com aparelhos de som e outros dispositivos eletrônicos de origem delituosa.

Após denúncia anônima, os policiais encontraram Rafael por volta das 19h, portando cinco munições de .40 na Rua Paulista, na Vila Nhá-Nhá. Ele afirmou que as balas seriam do adolescente que, naquele momento, estava em uma loja de som automotivo da região instalando em sua pick-up Volkswagen Saveiro, equipamento furtado recentemente de um Voyage.

No local, o Choque encontrou o menor e Thiesero. Eles disseram que uma pistola 9mm estava escondida na casa do adolescente, na Rua Luiz Louzinha, na Nhá-Nhá, e que a .40 poderia ser encontrada na casa da sogra de Thiesero, no Conjunto Residencial Mário Covas, onde também estava a arma calibre 380. Todas as pistolas foram apreendidas, sendo que uma delas havia sido levada de dentro do automóvel de um policial civil.

O adolescente ainda alegou que o som que estava montando em seu carro foi comprado de um rapaz conhecido como “Foguinho”, e que sabia da procedência do material. No veículo de Thieser havia um tablet e um celular comprados, segundo ele, na Nhá-Nhá, sendo que o telefone possuía registro de roubo do dia 17 de novembro.

O trio foi detido e levado para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga, onde foi autuado por posse ou porte ilegal de arma de fogo de uso restrito e receptação.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions