A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

10/09/2013 16:50

Bernal deixa “bombeiros do amanhã” sem teto e projeto pode acabar

Bruno Chaves
Ao todo, 55 jovens participam do projeto que pode acabar (Foto: Divulgação/Sejusp)Ao todo, 55 jovens participam do projeto que pode acabar (Foto: Divulgação/Sejusp)

Com quase 20 anos de existência, o projeto social “Bombeiros do Amanhã”, realizado pelo Corpo de Bombeiros de Mato Grosso do Sul com crianças e adolescentes carentes de Campo Grande, pode deixar de existir. Isso porque as secretarias municipais, desde a posse do prefeito Alcides Bernal (PP), não vêm cumprindo convênio com a corporação e, como consequência, os bombeiros mirins já perderam as salas de estudo e parte da alimentação.

De acordo com o 1º tenente Edilson dos Reis, do Corpo de Bombeiros, o projeto “Bombeiros do Amanhã” funciona desde 2010 no Parque Tarsíla do Amaral, região norte da cidade. “Temos uma parceria com prefeitura, que sede o espaço físico, duas salas, uma cozinheira, uma pedagoga, alimentos, materiais de limpeza e uniforme para as crianças”.

O projeto funciona de segunda a sexta-feira e atende 55 crianças e adolescentes de 12 a 16 anos, entre meninas e meninos. No parque, duas salas de aula são disponibilizadas para que os jovens aprendam noções de instruções de ordem unida, hierarquia e disciplina, combate a incêndio, primeiros socorros e prevenção de acidentes domésticos.

“Mas em março deste ano, assumiu um novo diretor-coordenador do parque. Ele solicitou as salas de aulas onde dávamos treinamento às crianças para dar outras atividades. Ficamos sem espaço”, lembra.

Para contornar a situação, os pais dos alunos se mobilizaram e conseguiram o espaço do Centro Comunitário para as atividades serem realizadas. O tenente Reis conta que o Corpo de Bombeiros procurou a Funesp (Fundação Municipal de Esporte), que chegou a visitar o parque para resolver a situação. No entanto, seis meses depois, nenhuma modificação foi realizada.

Como se não bastasse perder o teto, o projeto começou a sofrer com a falta de alimento e de uniforme. O tenente conta que os alunos ganham as três primeiras refeições do dia: café da manhã, lanche e almoço. Mas, “desde início de agosto, não estão repassando o alimento da forma correta. A comida está sendo muito pouca e não está atendendo a quantidade de alunos”, afirma.

Centro comunitário foi cedido para a realização das atividades (Foto: João Garrigó)Centro comunitário foi cedido para a realização das atividades (Foto: João Garrigó)

Diante da situação de abandono, a Corporação também procurou a SAS (Secretaria de Assistência Social). “Conversamos com a coordenação de projetos para repassar nossas reivindicações. Após esse encontro, fizemos uma reunião com os pais para avisar que o projeto pode deixar de existir”, diz.

“Encaminhamos as reivindicações do comandante geral à prefeitura, por escrito, para ver a contrapartida e o prazo. Se não formos atendidos, vamos ter que encerrar o projeto, que é de cunho social, ou buscar outras parcerias”, lamenta.

Bombeiros Mirins – Os alunos selecionados no projeto “Bombeiros do Amanhã” realizam atividades como hierarquia e disciplina, combate a incêndio, primeiros socorros e prevenção de acidentes domésticos, que os ajudam na formação pessoal.

“É um projeto que faz parte de uma instituição reconhecida e que tem alto índice de credibilidade. Eles recebem estrutura militar, que para um adolescente cria uma expectativa de futuro. As crianças criam expectativa de esperança para um dia melhor”, afirma.

Parque não tem mais espaço para atender as crianças (Foto: João Garrigó)Parque não tem mais espaço para atender as crianças (Foto: João Garrigó)
Promotoria e prefeitura firmam acordo para recuperar área de preservação
Foi celebrado entre o MPE (Ministério Público Estadual) e a prefeitura de Campo Grande acordo para recomposição da vegetação nativa da área de preser...
Concurso recebe inscrições para 83 vagas técnico-administrativas
Seguem abertas as inscrições para o concurso que oferece 83 vagas para técnico-administrativos em Educação na UFMS (Universidade Federal de Mato Gros...
Vice-governadora visita projeto em que detentos reformam escolas
O projeto "Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade", desenvolvido pelo Poder Judiciário estadual, foi conhecido e elogiado na sexta-feira (...
Crianças do Vespasiano Martins recebem Papai Noel e ganham presentes
As crianças do loteamento Vespasiano Martins, na periferia de Campo Grande, receberam a visita especial do Papai Noel neste sábado (16). Foram distri...


Gostaria de Parabenizar os mais de 447 mil voto dos eleitores que elegeram esse. agora aguenta só falta 3 anos ainda, espero que com esses acontecimentos os eleitores acordem ou caiam em falsa promessa de novo e o reelege.
 
Odair de Jesus em 11/09/2013 10:42:14
Será que é melhor, crianças na rua ou estarem ocupadas com alguma atividade importante que possa servir de profissão?
Sr. prefeito faça - nos o favor.
 
CINTIA DUTRA em 11/09/2013 10:14:02
A minha sugestão é a seguinte: Se o Bernal quiser de fato ajudar Campo Grande, deixe imediatamente a prefeitura e vá embora para o Paraguai, porque nem no rádio terá sucesso mais, vc está dando nojo, tudo o que existe vc quer acabar, vc já está acabado politicamente, só vc não percebe.
 
Romaldo Milani em 11/09/2013 10:11:28
Depois vem os defensores dizendo que o prefeito está sendo perseguido, que é tudo inventado. A Lizete está 100% certa. A cidade está abandonada, projetos maravilhosos como este não podem parar de maneira nenhuma. As crianças e jovens estão cada vez mais perdidos e necessitam dessas iniciativas.
 
Ana Micheleti em 11/09/2013 10:04:32
PARABÉNS SR BERNAL E PARABÉNS PARA TODOS QUE VOTARAM NESTE SENHOR QUE ESTÁ NA RÁDIO CIDADE TODOS OS DIAS DE MANHÃ DIZENDO QUE NOSSA CIDADE ESTÁ UMA MARAVILHA!!!
E TAMBÉM DIZENDO QUE TODA IMPRENSA DA CIDADE (QUE NÃO É A RÁDIO) É MENTIROSA.
 
Estevão Carlos em 11/09/2013 09:08:24
As mudanças que o Bernal ia fazer já começaram!!! que decepção.
 
Marcos Wild em 11/09/2013 09:03:39
Inacreditável... acabar com um projeto que estava fazendo tão bem a essas crianças... isso desanima qualquer um imagina a eles que estão apenas começando a sua caminhada... lamentável
 
Mileide de Aguiar Marques em 11/09/2013 08:55:42
Deveriam ter citado o projeto ESPERANÇA que era uma parceria da prefeitura com o exército brasileiro, atendia 45 jovens em situação de risco na faixa etária entre 12 e 15 anos e está PARADO por pura burocracia.
é assim que funciona o administrativo da capital, prefeitos e vereadores vivem de fazer picuinha uns com os outros, todo mundo com o rabo preso e um tentando derrubar o outro. Cassar o bernal adianta? adianta do mesmo modo que cassam vereadores. cassam e eles continuam la, usando as brechas da leis e seus juízes amigos.
 
João da Silva em 11/09/2013 08:44:00
A B S U R D O e ainda falam que as pessoas estão em primeiro lugar.
 
Alicio Mendes em 11/09/2013 08:08:10
O QUE MAIS ESSE PREFEITO VAI ACABAR COM OS PROJETOS DE CAMPO GRANDE,A NOSSA MORENA PEDE SOCORRO FORA BERNAL................
 
marcio prado em 10/09/2013 22:57:32
Inacreditável que um Projeto, de tamanha relevância social, esteja sendo preterido pelo Poder Municipal. Comandante OCIEL, diga os nomes daqueles que não estão ajudando, e até mesmo dos que estão atrapalhando, para que lembremo-nos deles nas próximas eleições.
 
Flávio Henrique Rodrigues em 10/09/2013 20:43:14
o prefeito não deixa acabar esse projeto pois se fala tanto das drogas para manter os jovens longe esse é um projeto maravilhoso governador andre se o prefeito cruzar os braços assumi essa missão vc não vai perder governador
 
diney silva em 10/09/2013 20:33:42
Talvez para o (arg), prefeito Bernal. seja preferível ver essas crianças "jogadas nas ruas" a mercê da própria sorte. Correndo sérios riscos de serem cooptadas pelo sub mundo do crime.
 
Fernando Silva em 10/09/2013 20:26:55
AGORA ELE VAI NOVAMENTE CULPAR ADMINISTRAÇÃO
ANTERIOR. KKKKKK
 
VALDOMIRO BARROS em 10/09/2013 19:36:03
Sera que ele vai dizer que isso é intriga da oposição ou que são os cupinchas ?
 
André Luiz de Oliveira em 10/09/2013 19:21:34
É o Bernal "trabalhando" para acabar com nossa cidade.
 
Joao Filho em 10/09/2013 18:02:52
O Corpo de Bombeiros é uma corporação estadual. Assim, quem deve bancar qualquer despesa é o governador, não o prefeito, até porque na hora dos louros, é ao lado do André que os integrantes do projeto vão aparecer. Além disso, os bombeiros devem cumprir sua destinação constitucional; qualquer outra função é desvio de finalidade, coisa que a lei repreende. Programas sociais devem ser conduzidos pelas secretarias e órgãos assistencialistas, e já está bom demais: muita assistência gera paternalismo.
 
João Dias em 10/09/2013 17:49:05
Nossa umas das formas de não deixarem nossas crianças se tornarem marginais é com atitudes como essa dos bombeiros do amanha, e o prefeito faz uma dessas ai fica difícil!
No domingo passado vi uma reportagem em uma emissora aonde bombeiros mirins estavam presentes eles da cidade de Joinville, um orgulho pra eles ao contrario de nossos bombeirinhos que ja estão nessa situação!
PALHAÇADA.
 
Anderson Silva em 10/09/2013 17:32:14
Mais um projeto indo pro vinagre por conta da ma administração do sr. Bernal, como é pode né?
Campo Grande jogado as moscas, problemas com merenda, com projetos que dão certo, ele simplesmente tá acabando com tudo que sempre caminhou certo nesta cidade. Parabéns para as pessoas que através do voto colocaram este incompetente lá.
 
Lizeti Aparecida Zanineli em 10/09/2013 17:10:39
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions