ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
ABRIL, DOMINGO  21    CAMPO GRANDE 24º

Capital

Bioparque Pantanal recebe berçário para “monstrinhos aquáticos”

A caixa com sete salamandras filhotes está em um tanque junto com os pais

Izabela Cavalcanti | 23/10/2022 11:20
(Foto: Caixa com sete filhotes de axolotes (Foto: Divulgação/Portal MS)
(Foto: Caixa com sete filhotes de axolotes (Foto: Divulgação/Portal MS)

O Bioparque Pantanal, maior aquário de água doce do mundo, recebeu um “berçário” de filhotes de axolotes. A caixa com sete “monstrinhos aquáticos”, como são conhecidos, está em um tanque junto com os pais.

A espécie de Salamandra nunca sai do estado larval e não se tornam animais terrestres, passando a vida na água doce. A origem é mexicana. As espécies foram vítimas de tráfico e apreendidas durante abordagem feita pela PRF (Polícia Rodoviária Federal). Depois disso, chegaram ao complexo em julho deste ano.

Em menos de um mês na nova casa, os axolotes se reproduziram, o que só ocorre quando está ambientado com o local e os parâmetros de água estão adequados.

“Por ser uma espécie ameaçada de extinção, a reprodução é uma vitória para toda nossa equipe. Ficamos felizes em reforçar o pilar da conservação, todo um trabalho desenvolvido em prol do bem-estar, focando na garantia da existência e sobrevivência do animal”, explicou a diretora do Bioparque, Maria Fernanda Balestieri.

A reprodução se tornou pesquisa de TCC (Trabalho de Conclusão de Cursto) e os sete filhotes que foram transferidos da quarentena para a maternidade são os que mais se desenvolveram em um experimento sobre preferência e desenvolvimento alimentar do estudante de zootecnia e estagiário do Bioparque, William Batista.

Nos siga no Google Notícias