A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

11/09/2011 20:31

Bar cancela agenda após assassinato de segurança em Campo Grande

Fabiano Arruda e Ana Paula Carvalho

Jhon Eder Cortiana Gonçalves foi morto com dois tiros em frente à casa noturna

Crime ocorreu na madrugada deste domingo. Autores foram presos (Foto: Simão Nogueira)Crime ocorreu na madrugada deste domingo. Autores foram presos (Foto: Simão Nogueira)

O bar Voodo, que fica na Rua 13 de Junho, cancelou a programação deste domingo e não abriu em luto pela morte do segurança Jhon Eder Cortiana Gonçalves, de 33 anos, assassinado a tiros na madrugada de hoje em Campo Grande.

A proprietária do estabelecimento esteve no velório do segurança, que começou por volta das 18 horas na Pax Universo em frente à Santa Casa da Capital, e, abalada, não quis dar entrevistas.

Já amigos e familiares da vítima lamentaram a tragédia e definiram Jhon como uma pessoa “muito querida”.

Chocada, a irmã, Maria Lucia dos Santos, afirmou que a família era composta de cinco irmãos e revelou ainda a proximidade do segurança com a filha de seis anos.

Ontem, Jhon foi passear com a menina num shopping da cidade. Segundo informações dos familiares, a criança ainda não sabe da morte do pai e está hospedada na casa de parentes.

O sepultamento será às 10h desta segunda-feira no cemitério da Jardim da Paz, saída para Sidrolândia.

Crime - Jhon foi morto com dois tiros, um no peito e outro na nuca, por volta das 3 horas deste domingo em frente à boate.

Colega do trabalhador, João Antônio dos Santos Cardoso, 22 anos, testemunhou o caso. Ele conta que num determinado momento um dos rapazes presos pegou sem pedir uma garrafa de vodka do bar.

Ele tentou conversar com os clientes, mas um acertou uma garrafada em sua cabeça. O que deu início a um briga. Outros seguranças do local retiraram os jovens do bar e levaram para a rua.

Os rapazes passaram a danificar veículos que estavam estacionados na via pública. Jhon Eder saiu da casa noturna para conter os autores e acabou atingido por dois tiros.

O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionado, mas o segurança chegou morto na unidade de saúde do bairro Coronel Antonino. Jhon Eder trabalhava no local desde que o bar inaugurou, no ano passado. A esposa dele era caixa e ajudava na limpeza do bar. Colegas da vítima não deixaram a mulher ver o marido ferido. O casal tem uma filha de seis anos.

Diego Ferreira de Souza, de 23 anos, e Janquiel Marques da Silva júnior, 22 anos, foram presos e autuados em flagrante por homicídio qualificado por motivo torpe. Diego confessou ter atirado no segurança. Ele ainda relatou que já entrou na casa noturna armado.

Mesmo Diego tendo confessado, testemunhas afirmar que foi Janquiel quem atirou. Os dois passaram por exame residuográfico para identificar quem efetuou os disparos. Eles foram presos pela Polícia Militar quando já estavam na Afonso Pena com a avenida Bandeirantes.

A casa noturna não possui sistema de monitoramento de câmeras.



pois é, também fiquei muito intrigada com a ação do SAMU...Porque ir tão longe se a Santa Casa era mais próxima e depois eles o levariam para lá mesmo!!!?
Já ao Dr Fábio Versolato, como cliente do bar garanto que eles não entram armados lá dentro e se o tiveram feito(coisa que não é fato), vc em sua grande sabedoria, não acharia que o estrago teria sido maior?????? Vamos pensar bem nas palavras que dizemos, sem se quer ter analisado os fatos?!!!
Muitas outras famílias estariam chorando tb. Infelizmente é assim que tratam gente de bem,hoje os bandidos é quem tem direitos e nós cidadões de boa fé é quem pagamos por isso, NEM O TAL DIREITOS HUMANOS olha por nós só por bandidos...
 
gisele almeida em 12/09/2011 10:49:12
O pior é que esses marginais conseguiram entrar armados na casa noturna e mais um trabalhador perde a vida....!!!
 
DR FABIO VERSOLATO em 12/09/2011 09:29:25
Ninguém entrou armado, eu fui lá, teve revista na entrada eles pegaram a arma lá fora... inclusive eles sairam do bar já sem camisa .... são bandidos da pior especie...
O bar é um lugar super tranquilo nunca teve briga lá.... esse marginais que arruinaram a noite e a família de um pobre trabalhador!
 
Carlos Rogério em 12/09/2011 02:59:51
uma coisa me intriga, vitima grave de disparo de arma de fogo, por que foi leva a um posto de saude se a santa casa fica bem mais perto, eita regulacao heim.
 
jose carlos em 11/09/2011 09:15:44
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions