A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

11/01/2016 10:45

Bombeiros realizam vistoria na Central do Cidadão e prédio deve abrir à tarde

Flávia Lima e Luana Rodrigues
Bombeiros permanecem na Central do Cidadão para garantir que não ocorram novo incidente. (Foto:Gerson Walber) Bombeiros permanecem na Central do Cidadão para garantir que não ocorram novo incidente. (Foto:Gerson Walber)

Após princípio de incêndio ocorrido na manhã desta segunda-feira (11), na Central de Atendimento ao Cidadão, os bombeiros permanecem no local realizando vistorias para descobrir o que provocou a fumaça que tomou conta da Central. O prédio, localizado na Rua Cândido Mariano, deve ser liberado somente após o meio-dia, caso os bombeiros concluam os trabalhos.

Segundo o secretário de Segurança Pública da Capital, Luidson Noleto, os bombeiros atestaram um curto circuito em um refletor, que não chegou a produzir fogo. Ele também explicou que no momento do incidente, guardas municipais e servidores que trabalham no local pegaram os extintores e tentaram debelar a fumaça, porém, como o refletor fica sobre uma pilastra de difícil acesso, foi necessário acionar o Corpo de Bombeiros.

No momento, segundo o secretário, havia 200 pessoas no local, incluindo contribuintes. A Energisa desligou o fornecimento de energia para evitar novos incidentes. Ainda segundo ele, não houve pânico no momento da evacuação, já que as pessoas não viram a fumaça.

Luidson Noleto afirmou que o prédio conta com alvará emitido pelos bombeiros e que os funcionários passaram por treinamento para agir em casos de incêndio. No entanto, o servidor público Daniel Felipe acredita que o local deveria contar com outros equipamentos de combate a incêndio, como os chamados sprinkler, que são dispositivos instalados no teto, acionados mediante sinal de fogo.

De acordo com o secretário, como não houve fogo, o sprinker não faria diferença, já que não é acionado pela fumaça.

Já os bombeiros que estão no local ainda não verificaram a documentação referente aos alvarás pois a prioridade é garantir que não ocorra um novo incidente. Os carnês de IPTU podem ser pagos em qualquer agência bancária, contanto que estejam em dia ou no paço municipal.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions