A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

11/01/2016 18:05

Caixa libera R$ 19,5 milhões e Exército deve começar obras em 60 dias

Michel Faustino
O superintendente em exercício da Caixa Econômica Federal, Márcio Fonseca, ao lado de Bernal durante a assinatura de carte de anuência. (Foto: Fernando Antunes)O superintendente em exercício da Caixa Econômica Federal, Márcio Fonseca, ao lado de Bernal durante a assinatura de carte de anuência. (Foto: Fernando Antunes)

O prefeito de Campo Grande Alcides Bernal (PP) esteve na tarde de hoje (11) na superintendência da Caixa Econômica Federal para assinar contrato de liberação de recursos para obras do corredor do sudoeste que prevê recapeamento de quatro vias ao custo de R$19,5 milhões. A prefeitura busca agora parceria com o Exercito para realização das obras que devem começar em até 60 dias em decorrência do tramite burocrático e serem concluídas em 468 dias úteis.

“Vou procurar o general Paulo Humberto, comandante do CMO (Comando Militar Oeste) e entregar o documento que a Caixa nos entregou dizendo, que tem um recurso aprovado no valor de R$ 19 milhões e que as análises dos projetos do Executivo já estão em fase de conclusão”, destacou o prefeito. Caso o convênio não seja firmado, será feita uma licitação para contratação de uma empresa.

O Exército infirmou que pode terminar a obra em 468 dias úteis e, inclusive, os militares poderão trabalhar à noite. “Essas ruas são largas então podemos fazer meia pista. Caso seja necessário, poderemos até trabalhar a noite”, disse ao site da prefeitura.

As obras de recapeamento aprovada pela Caixa é é financiada pelo PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) Mobilidade e corresponde ao total de 12 quilômetros de ruas, sendo elas as Avenidas Bandeirantes e Marechal Deodoro e as Ruas Guia Lopes e Brilhante.

O superintendente em exercício da Caixa Econômica Federal, Márcio Fonseca, explicou que de 12 projetos encaminhados pelo Executivo, sete foram aprovados. Entre eles, o de revitalização das avenidas Gury Marques e Calógeras e da Rua Bahia, que ainda não tiveram recursos liberados.

Conforme o secretário de Obras, Amilton Cândido, os outros cinco projetos, incluem a revitalização de terminais de ônibus, construção de viaduto na Gury Marques, na rotatória da Coca Cola, e ainda estão sob análise.

Terminal rodoviário de Campo Grande oferece cartões de Natal gratuitos
A rodoviária de Campo Grande, mais um ano, oferece gratuitamente cartões de Natal gratuitamente para os passageiros que passarem pelo local até o pró...
Universidade do MS recebe certificação de excelência em gestão
Será recebida pela UCDB (Universidade Católica Dom Bosco) em solenidade que acontece na próxima segunda-feira (18) o certificado de excelência em ges...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions