ACOMPANHE-NOS    
DEZEMBRO, QUARTA  08    CAMPO GRANDE 20º

Capital

Campo Grande fica em 2° lugar no ranking de cidades inteligentes do Brasil

Já entre as capitais, a cidade liderou o ranking garantindo a primeira posição

Por Ana Paula Chuva | 25/11/2021 15:26
Centro de Campo Grande visto de cima (Foto: PMCG | Divulgação)
Centro de Campo Grande visto de cima (Foto: PMCG | Divulgação)

Campo Grande garantiu a segunda colocação no ranking geral de Cidades Inteligentes do Brasil. Já entre as capitais, a Cidade foi a primeira colocada. O ranking foi divulgado em transmissão ao vivo na tarde desta quinta-feira (25) e coloca a cidade na segunda colocação no ranking geral.

O ranking de serviços de cidades inteligentes avalia, entre os 100 maiores municípios do país em população, a oferta de serviços considerados inteligentes utilizando meios digitais como  internet e celular e permite que as cidades verifiquem sua posição em e identifique pontos que precisam de aprimoramento.

Nos últimos anos, Campo Grande passou a oferecer, segundo os indicadores, 24 dos 26 serviços pesquisados no ranking. Entre 2020 e 2021, a Prefeitura da Capital incluiu a oferta de novos serviços, que contribuíram para que a capital subisse no ranking.

 “Construir uma cidade inteligente depende de uma série de fatores tais como, a confiança do gestor municipal na equipe, o alinhamento dos projetos e investimentos, comprometimento e competência técnica dos servidores, além dos mais importante que é sempre ouvir a população”, disse o prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSD).

A Capital ficou atrás apenas de Uberlândia (MG) no ranking geral de Serviços de Cidades Inteligentes e entre as capitais, garantiu o primeiro lugar nacional. O ranking é da Conexis Brasil Digital, entidade que reúne as empresas de telecomunicações e de conectividade, principal plataforma da economia digital, da sustentabilidade e da conexão de todos os brasileiros.

Neste ano, o Ranking de Serviços de Cidades Inteligentes contou também com a parceria da Abrintel, a Associação Brasileira de Infraestrutura para Telecomunicações e Teleco, Inteligência em Telecomunicações.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário