A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

08/07/2014 19:23

Campo-grandense acerta placar de 7 a 1 e ganha R$ 450 em "bolão"

Alan Diógenes
Campo-grandense acerta placar de 7 a 1 e ganha R$ 450 em bolão
Fernando exibe a quantia que ganhou no bolão. (Foto: Reprodução/Facebook)Fernando exibe a quantia que ganhou no bolão. (Foto: Reprodução/Facebook)
O papel de anotação mostra que Fernando foi o que apostou em um placar mais alto. (Foto: Reprodução/Facebook)O papel de anotação mostra que Fernando foi o que apostou em um placar mais alto. (Foto: Reprodução/Facebook)

O irmão da cantora Maria Cecília, que faz dupla com o cantor Rodolfo, o empresário Fernando Emanuel Serenza Ferreira Alvez, 31 anos, ganhou R$ 450 em um “bolão”, onde apostou que a Alemanha ganharia de 7 a 1 do Brasil, na partida da semifinal, que aconteceu na tarde desta terça-feira (8). Ele disse ao Campo Grande News que “tudo não passou de uma brincadeira”, entre amigos. Apesar de comemorar a vitória na aposta, Fernando não ficou feliz com a derrota do Brasil.

Fernando contou que ele e os amigos fizeram o bolão no valor de R$ 2, um pouco antes da partida começar. No calor do momento, quando o jogo começou, eles decidiram aumentar a “bolão” em R$ 50. Questionado sobre o por que apostou tantos gols da Alemanha, o empresário falou que tinha feito apenas uma brincadeira. “Parece que eu fui o único que acreditei na derrota do Brasil. Fiquei triste com o resultado, mas feliz por ter ganhado o bolão”, comentou.

Os amigos acompanharam a partida na casa de um deles, no bairro Panamá, na Capital. Quando o Brasil começou a receber a goleada da Alemanha, a torcida ficou dividida. Enquanto os amigos queriam que o Brasil fizesse gols, Fernando torcia para que a Alemanha não fizesse o oitavo gol e nem o Brasil fizesse outro, assim ele ganharia o “bolão”.

Quando a partida terminou, o prêmio serviu para comprar mais bebidas e carne para o churrasco. “Agora vamos comemorar a derrota, que serviu como um tapa na arrogância da seleção brasileira e do povo brasileiro. Parabenizo a seleção alemã, que agora será a nova escola mundial de futebol”, destacou Fernando.

O funcionário público Carlos Eduardo, 32, que participou do bolão, afirmou que a aposta alta do grupo aconteceu por que eles sabiam que o dinheiro ia acabar retornando para a confraternização. Quando o Brasil começou a levar os gols da Alemanha, Fernando não pode comemorar, em respeito ao amigos que estavam chateados com o placar. “A galera aqui estava indignada, e o Fernando teve que ficar no sapatinho, por que se comemorasse ficaria complicado para o lado dele. Nós sabíamos que a seleção brasileira estava jogando mal, mas não acreditávamos na derrota”, salientou.

Após o jogo, Fernando ainda ficou na frente da televisão para assistir a entrevista do técnico da seleção brasileira, Felipão, por que queria saber qual era o motivo para os jogadores terem se saído tão mal durante o jogo. Mas quanto a vitória no “bolão”, era só comemoração. “É difícil de acreditar, mas é verdade. Talvez ele seja a única pessoa do mundo que tenha acertado esse placar”, brincou o empresário Paulo Roberto Lopes, 42 anos, que também, participou do bolão.

Dinheiro serviu para continuar a festa, após o jogo. (Foto: Reprodução/Facebook)Dinheiro serviu para continuar a festa, após o jogo. (Foto: Reprodução/Facebook)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions