A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

11/09/2014 17:36

Campo-grandenses buscam alternativas para se livrar de calor infernal

Michel Faustino e Filipe Prado
Dona de casa sentou próximo ao chafariz para se refrescar. (Foto: Marcelo Calazans)Dona de casa sentou próximo ao chafariz para se refrescar. (Foto: Marcelo Calazans)
Para espantar o calor, crianças brincam em chafariz. (Foto: Marcelo Calazans)Para "espantar" o calor, crianças brincam em chafariz. (Foto: Marcelo Calazans)

Campo Grande têm registrado nos últimos dois meses uma média histórica de altas temperaturas. Conforme dados do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia) os registros superam as temperaturas do mesmo período do ano passado.

Nesta quinta-feira (11), por exemplo, a Capital registrou uma das maiores temperaturas do Estado. A média foi de 35º C com sensação térmica de 37º C e baixa umidade relativa do ar. E a tendência é de que as temperaturas permaneçam altas, ao menos, até a próxima semana.

E quem tem sentido, literalmente na pele, a incidência do forte calor e as altas temperaturas é o campo-grandense que com esse tempo, precisam buscar alternativas para não sofrer com o calor excessivo.

A dona de casa, Edilene da Silva, 43 anos, procurou o lugar “mais agradável” da praça Ary Coelho, no centro da Capital, para passar a tarde com a filha. Edilene aproveitou o tempinho livre para passear com a filha e se refrescar próxima do chafariz.

“Está muito quente, e esse tempo é horrível. Eu sentei aqui porque ela pode ficar brincando com a água. Se eu pudesse eu até mergulharia aqui”, disse.

A serviços gerais, Elaine Sousa Gomes, 37 anos, apostou no sorvete para aliviar o calor. “Nesse tempo não tem jeito. Temos que apelar pra tudo. Tomar bastantes água, bastante banho e sempre estar limpando a casa com pano molhado”, declarou.

Já o representante comercial, João Alves de Oliveira, 51 anos, diz que o melhor “remédio” é ingerir bastante liquido, principalmente água. Além de abusar do protetor solar. “O que eu faço é ingerir muito liquido. Ainda tem que se proteger do sol e usar protetor solar”, disse.

Elaine apostou no sorvete para aliviar o calor. (Foto: Marcelo Calazans)Elaine apostou no sorvete para aliviar o calor. (Foto: Marcelo Calazans)
João acredita que melhor remédio é fazer a ingestão de líquidos e cuidar da pele. (Foto: Marcelo Calazans)João acredita que melhor "remédio" é fazer a ingestão de líquidos e cuidar da pele. (Foto: Marcelo Calazans)
Dia amanhece com temperatura amena e sexta será de calor na Capital
Depois da tempestade que atingiu Campo Grande na noite de ontem (4), esta sexta-feira (5) amanheceu com temperatura amena e céu parcialmente nublado....
Chuva ameniza calor, mas quinta-feira será de temperaturas altas na Capital
A chuva rápida que caiu sobre a Capital na noite de ontem (3) amenizou um pouco o forte calor que atinge a cidade nos últimos dias. Porém, não adiant...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions