A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

28/01/2015 13:09

Cempe oferece oficinas para crianças com distúrbios de comportamento

Flávia Lima
Atividades são ministradas pro profissionais especializados. (Foto:Divulgação) Atividades são ministradas pro profissionais especializados. (Foto:Divulgação)


Crianças de até quatro anos com dificuldades de desenvolver a fala, socialização, déficit de atenção e hiperativas, podem participar da oficina Global, desenvolvida no Centro Municipal Pediátrico (Cempe) e que tem o objetivo de auxiliar na superação destes distúrbios. A oficina acontece em grupos de sete crianças cada, que vão quinzenalmente à unidade para fazer as atividades. Atualmente, existem dois grupos da oficina em funcionamento no Cempe.

Para participar da oficina, é necessário que os pais ou responsável leve a criança para uma consulta com pediatra na unidade de saúde mais próxima de sua residência. Se necessário, o pediatra irá encaminhar a criança para o Cempe, onde será feita uma nova avaliação psicológica para detectar se ela realmente precisa participar do grupo.

As atividades são ministradas por profissionais das áreas de fonoaudiologia, psicologia, terapia ocupacional, entre outras especialidades.

Além das crianças, também participam da oficina os pais ou o responsável por elas. A participação é importante, pois as atividades devem ser continuadas em casa e a criança não pode fazê-las sozinha, segundo a fonoaudióloga Andréa Bianco.

A psicóloga Marcela Lombelo explica que as atividades são de cunho pedagógico para que as crianças desenvolvam a fala e melhorem o comportamento através da brincadeira. “Além de brincarmos e jogarmos com eles, fazemos atividades com música, contação de histórias, entre outras. No fim nos reunimos com os pais e explicamos para eles o porquê de cada atividade e pedimos para que eles também façam em casa”, detalha



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions