A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

05/01/2015 17:42

Chuva forma onda e família improvisa represa no Bonança; veja o vídeo

Ricardo Campos Jr.

A família da dona de casa Alcilaine Franco de Assunção, 35 anos, usou o tampo de uma mesa para represar a onda formada pela enxurrada durante a tarde desta segunda-feira (5), em Campo Grande. Enquanto três seguram a antepara, outras duas pessoas usam baldes para escoar a água que invade o imóvel, na tentativa de evitar danos aos pertences.

O local fica na rua Portinho, no Jardim Bonança. A correnteza vem da rua Quiroa, que acaba no portão da moradora. “Minha casa é a mais atingida por ficar na ponta da rua”, disse ao Campo Grande News. Uma vizinha filmou o momento em que algumas pessoas lutavam contra a força da enxurrada.

Segundo Alcilaine, hoje a família conseguiu evitar grandes danos, mas houve outras ocasiões em que não foi possível. “Já perdemos vários móveis. Toda a vida enche aqui. A gente fez um muro na beirada do portão, mas nem isso consegue evitar”, reclama.

A dona de casa pensou em subir o nível da calçada, mas foi informada, segundo ela por técnicos da prefeitura, que poderia ser multada se chegasse a concretizar a intervenção. Assim, a única alternativa continua sendo perder noites de sono a cada vez que uma tempestade se aproxima. “Aqui se chover de madrugada, a gente tem que ficar acordado”.

Umidade no muro indica a altura da água na rua Portinho (Foto: Alcides Neto)Umidade no muro indica a altura da água na rua Portinho (Foto: Alcides Neto)

Temporal – Pancadas de chuva forte haviam sido previstas pelo Inmet por conta da união entre o calor e a umidade que chega ao estado. Conforme o Centro de Monitoramento da Defesa Civil, foram registrados 55 milímetros de chuva no bairro Rita Vieira, 37 milímetros na região do Prosa e 33,7 milímetros na região sul da capital.

Houve vários transtornos. No Itanhangá Park, o córrego transbordou e causou a interdição nos cruzamentos da Avenida Ricardo Brandão. Motoristas foram obrigados a redobrar a atenção no local. O trânsito ficou congestionado e houve carro trafegando na contramão para escapar da força da correnteza.

No Coopharádio, a enxurrada causou a interdição da Avenida Interlagos nos dois sentidos. Até na Avenida Afonso Pena, na região Central, a enxurrada causou a interdição parcial de algumas faixas de rolamento.

Até cobertores foram colocados sob o portão para tentar evitar avanço da água (Foto: Alcides Neto)Até cobertores foram colocados sob o portão para tentar evitar avanço da água (Foto: Alcides Neto)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions