A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

30/03/2015 10:12

Clientes são cobrados após confusão, mas Wood's nega telefonemas

Renan Nucci
Confusão deixou rastro de destruição no local. (Foto: Direto das Ruas)Confusão deixou rastro de destruição no local. (Foto: Direto das Ruas)

Casal afirma ter recebido ligação de uma suposta funcionário da boate Wood's, em Campo Grande, cobrando o consumo da noite de quinta-feira (19), quando uma confusão generalizada deixou rastro de destruição e feridos no local. O advogado da empresa, Leonardo Buchmann, garante que ninguém será cobrado e alertou que, se houve alguma ligação, provavelmente foi terceiros querendo se aproveitar do ocorrido.

Uma geógrafa de 22 anos afirmou que neste final de semana o namorado, de 23 anos, atendeu o telefonema de uma pessoa que se passava por representante da casa de shows, afirmando que ele deveria comparecer ao estabelecimento para quitar os débitos referentes à algumas cervejas e uma garrafa de água consumidas no dia do quebra-quebra. “O problema nem é pagar, mas é o fato de que eles disseram publicamente que não cobrariam, mas agora estão cobrando”, afirmou.

O advogado, por sua vez, diz que a informação é inverídica. “Até onde sabemos, não há ligações para cobrar ninguém. A casa não vai telefonar para fazer isso. O que foi dito é que, quem quisesse poderia pagar a conta por iniciativa própria, de boa vontade. Por outro lado, quem se sentiu lesado com o ocorrido e não quiser pagar nada, não tem problema”, disse o advogado.

Buchmann lembrou ainda que os funcionários foram orientados a não telefonar para os frequentadores. “Pode ser outras pessoas ligando. No sábado (28), quando reabrimos, muitos clientes foram lá pagar espontaneamente, em solidariedade à casa”.

Quando a briga teve início na pista, a geógrafa estava com o namorado no camarote e disse que ficou bastante assustada. “Ficamos abaixados para nos protegermos, pois víamos que praticamente não tinha segurança no local”, alegou. Os prejuízos ainda estão sendo contabilizados, mas os eventos já ocorrem normalmente no local. De acordo com o Corpo de Bombeiros, a casa está com todos os alvarás em dia, com vencimentos previstos só para o ano que vem.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions