ACOMPANHE-NOS    
NOVEMBRO, SEGUNDA  23    CAMPO GRANDE 32º

Capital

Com 90% de UTIs ocupadas, Unimed reforça preocupação com covid na Capital

Equipe de plantão foi reforçada, mas hospital já prepara paciente para maior tempo de espera no atendimento

Por Tainá Jara | 21/11/2020 08:49
Unimed reforçou equipe de atendimento para alerta para maior tempo de espera no atendimento (Foto: Kisie Ainoã)
Unimed reforçou equipe de atendimento para alerta para maior tempo de espera no atendimento (Foto: Kisie Ainoã)

A Unimed Campo Grande emitiu nota na noite desta sexta-feira alertando para o aumento significativo no volume de atendimento e internações por covid-19. Até a noite de ontem, o hospital do convênio tinha 90% dos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) ocupados.

Conforme a nota, o Pronto Atendimento de Síndrome Respiratória, uma ala separada das demais para atender casos da doença, vem mantendo aumento no volume de atendimentos e internações.

“Já reforçamos as equipes de plantão, entretanto, devido ao elevado número de atendimentos, é possível que haja um tempo maior de espera por conta da classificação de risco. Pedimos a compreensão de todos”.

A administração do hospital reforçou que a população mantenha o distanciamento social, faça a higiene adequada das mãos e o uso de máscaras.

Desde o início do mês, o hospital atendeu 4.754 novos pacientes de covid-19. As internações no Mato Grosso do Sul aumentaram em 40% na última semana, saltando de 211 para 296.

São mais de 90,7 mil casos confirmados no Estado, desde o início da pandemia, sendo 1,7 mil mortos.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário