ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, DOMINGO  24    CAMPO GRANDE 27º

Capital

Com aumento de quase 100% nos casos de covid, Unimed suspende cirurgias eletivas

A quantidade de pacientes internados no hospital com a doença, já é maior do que o registrado no começo do ano

Por Adriano Fernandes | 23/11/2020 20:01
Prédio do Hospital da Unimed, no Carandá Bosque em Campo Grande. (Foto: Divulgação)
Prédio do Hospital da Unimed, no Carandá Bosque em Campo Grande. (Foto: Divulgação)

O Hospital da Unimed voltou a suspender as cirurgias eletivas, por conta do aumento no número de pacientes internados com covid-19 na unidade, em Campo Grande. A medida já havia sido adotada pelo hospital em março, quando o surto teve início.

A quantidade de pacientes internados no hospital com a doença, inclusive, já é maior do que o registrado no começo do ano. Segundo o hospital, desde o início de novembro, o índice de exames que atestaram positivo para a doença cresceu quase 100% entre os pacientes atendidos no Pronto Atendimento de Síndrome Respiratória.

“Estamos prestes a encontrar sérias dificuldades de atendimento e solução aos pacientes infectados por covid”, informa o hospital. Com a suspensão das cirurgias eletivas o hospital pretende usar o espaço destinado a recuperação pós-anestésica dos pacientes, como ambiente de internação de pacientes com covid-19, "caso venha ser necessário", informou o hospital.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário