A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 19 de Junho de 2018

23/12/2010 15:04

Com suspeita de rebelião, Amazonas transfere 8 para presídio federal de Campo Grande

Angela Kempfer
Grupo saiu de helicóptero do Amazonas ontem para Porto Velho (foto) e hoje outro grupo veio para MS.Grupo saiu de helicóptero do Amazonas ontem para Porto Velho (foto) e hoje outro grupo veio para MS.

A pedido da Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos do Amazonas, 8 presos foram transferidos nesta quinta-feira para o Presídio Federal de Campo Grande (MS). Os detentos embarcaram às 7h40 e chegaram no final da manhã, em aeronave da Polícia Federal.

Havia suspeita de que presos fazia planos para promover uma rebelião durante a visita de familiares, na véspera de Natal.

Cinco dos presos (Paulo Correa Chaves, Ramon Almeida de Souza, Tiago Márcio Cavalcante Lacerda, João Júnior Ribeiro e Dieilson Simões de Carvalho) estavam envolvidos na rebelião de Iranduba, ocorrida em 14 de novembro deste ano.

Também foram removidos Manoel Freitas Barros (Manoel Tatu), Marcos Paulo Oliveira Brasil e Luiz Antônio dos Santos Souza.

Jornais de Manaus também falam que o motivo seria plano de tentativa de fuga em massa na Cadeia Pública da capital do Amazonas. Mas o governo nega e justifica apenas a transferência como "prevenção".

Ontem, outros 16 presos da Cadeia Pública “Desembargador Raimundo Vidal Pessoa” foram transferidos, mas para o Presídio Federal de Porto Velho (RO).

As remoções ocorrem um dia depois de pente fino realizado na cadeia de Manaus. Os 800 presos foram surpreendidos ontem com uma revista em todas as celas.

Enquanto policiais de elite faziam a ‘limpeza’ na cadeia, um avião da Polícia federal fazia a transferência do grupo de 16 internos para Porto Velho.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions