A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

19/10/2015 11:51

Começa hoje ação de prevenção à Sifilis Congênita na Capital

Juliana Brum
Só em gestante foram notificados 158 casos neste ano ( Foto - Divulgação)Só em gestante foram notificados 158 casos neste ano ( Foto - Divulgação)

De janeiro até setembro foram notificados 533 casos notificados de Sifilis Congênita na Capital, começa hoje (19), ações em Saúde promovida pela Sesau (secretaria municipal de Saúde Pública) para o combate à Sifilis Congênita.

Estarão disponíveis os testes rápidos de sífilis, além de aconselhamento em DST em pontos descentralizados para que toda a população tenha acesso.

Foram constatados 298 pessoas foram notificadas para sífilis adquirida (população geral com diagnóstico confirmado para sífilis), 158 notificações de sífilis em gestantes (grávidas diagnosticadas com sífilis). No caso da sífilis congênita, foram notificadas 77 casos (crianças que possivelmente nasceram com sífilis, infectadas durante a gestação).

"Queremos, principalmente, sensibilizar e chamar a atenção para o meio mais eficaz de evitar a sífilis, que é a prevenção com o uso da camisinha e orientar as mulheres para que se previnam antes de engravidar. Estarão 600 testes à disposição da população", disse Luciana Caetano Rocha ( Supervisora geral do Programa Municipal de Prevenção ás DST/HIV-Aids e Hepatites Virais, da Sesau).

Luciana também destacou que a ação foi pensada para estar próxima a população, por isto acontecerá ao longo da semana em um CTA diferente da Capital, contemplando todas as regiões.

Cronograma de atendimento começa na segunda (19) na região no CTA (Centro de Testagem e Aconselhamento) no Distrito Sanitário Sul. No dia 20 de outubro, em período integral, no Distrito Sanitário Oeste, na UBSF Serradinho. No dia 21 de outubro, acontece no Distrito Sanitário Leste, na UBSF Itamaracá, em período integral. Já no dia 22 de outubro, a equipe estará na UBS Dona Neta, em período integral. No Distrito Sanitário Norte, a ação ocorre no dia 23 de outubro, na UBSF Nossa Senhora das Graças, no período vespertino.

DOENÇA - A sífilis congênita pode causar má formação do feto, aborto espontâneo e morte fetal. Na maioria das vezes, porém, os seguintes sintomas aparecem nos primeiros meses de vida: pneumonia, feridas no corpo, alterações nos ossos e no desenvolvimento mental e cegueira. Ela é uma doença infectocontagiosa, sexualmente transmissível, causada pela bactéria Treponema pallidum. Pode também ser transmitida verticalmente, da mãe para o feto, por transfusão de sangue ou por contato direto com sangue contaminado. Se não for tratada precocemente, pode comprometer vários órgãos como olhos, pele, ossos, coração, cérebro e sistema nervoso. O período de incubação, em média, é de três semanas, mas pode variar de 10 a 90 dias.

Teste rápido para HIV e sífilis é mantido pela Justiça
Às vésperas de lançar o teste rápido para HIV e sífilis, o governo conseguiu vitória na Justiça em uma ação que ameaçava o programa destinado às pess...
Homem é preso por se masturbar ao lado de mulher dentro de ônibus
Um homem de 34 anos foi preso na manhã desta terça-feira (12) por se masturbar dentro de um coletivo que fazia a linha 080, entre centro e o terminal...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions