A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

02/09/2016 14:29

Condenado por homicídio diz que trafica drogas e rouba, mas não matou

Luana Rodrigues e Julia Kaifanny
Edimar Rodrigues de Almeida nega o crime pelo qual foi condenado a 16 anos de prisão, mas assume que não é “ficha limpa”. (Foto: Marcos Ermínio)Edimar Rodrigues de Almeida nega o crime pelo qual foi condenado a 16 anos de prisão, mas assume que não é “ficha limpa”. (Foto: Marcos Ermínio)

Condenado a 16 anos de prisão na manhã desta sexta-feira (2) pela morte de Francismar James Ferreira Vargas, em 13 de outubro de 2013, Edimar Rodrigues de Almeida nega o crime, mas assume que não é “ficha limpa”. Ele também afirma que teve vontade de matar a vítima, mas não o fez.

Em depoimento aos jurados hoje pela manhã, Edimar disse em sua defesa que é assaltante e já praticou o crime de tráfico de drogas mas nunca matou ninguém. “Os crimes que eu faço são só por dinheiro, morte pega mal pro meu pessoal”, disse.

O condenado disse que a vítima tinha um relacionamento com ex-esposa e que um dia antes do crime havia levado um presente para a filha que tem com a ex, mas não brigou com Franscismar. "Eu já tive vontade de matar ele, mas não matei", afirmou.

Edimar foi condenado por matar Franscismar com tiros pelas costas. O crime ocorreu na Rua Antônio de Souza Júnior, no Jardim Nhanha - região sul de Campo Grande -, por vingança, conforme a defesa de Edimar. Francismar teria agredido a filha do acusado.

Ele passou por júri popular, na 2ª Vara do Tribunal do Júri de Campo Grande, e vai ficar preso por 16 anos pelo crime de homicídio qualificado por motivo torpe e recurso que dificultou a defesa da vítima.

Acusado de matar homem com disparos pelas costas será julgado nesta sexta
Acontece nesta sexta-feira (2) o julgamento de Edimar Rodrigues de Almeida, acusado de matar em 13 de outubro de 2013 Francismar James Ferreira Varga...
Promotoria e prefeitura firmam acordo para recuperar área de preservação
Foi celebrado entre o MPE (Ministério Público Estadual) e a prefeitura de Campo Grande acordo para recomposição da vegetação nativa da área de preser...
Concurso recebe inscrições para 83 vagas técnico-administrativas
Seguem abertas as inscrições para o concurso que oferece 83 vagas para técnico-administrativos em Educação na UFMS (Universidade Federal de Mato Gros...
Vice-governadora visita projeto em que detentos reformam escolas
O projeto "Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade", desenvolvido pelo Poder Judiciário estadual, foi conhecido e elogiado na sexta-feira (...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions