A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

12/03/2014 11:28

Condutor que matou agricultor dirigia a 80 km/h e não viu defeito no semáforo

Graziela Rezende

Após analisar por diversas vezes o vídeo que flagrou o atropelamento do agricultor Félix Fernando Ajala, 24 anos, no centro da Capital, a Polícia Civil constatou que o motorista trafegava em uma velocidade que varia entre 80 e 90 km/h, segundo o perito criminal Amilcar da Serra Silva Neto. Poucos minutos após o acidente, a vítima faleceu no Pronto Socorro da Santa Casa.

Na ocasião, conforme o perito, além da velocidade, o fato do semáforo estar ‘pifado’ foi um agravante. “Nós verificamos que a vítima estava na faixa de pedestres, sendo que a luz vermelha não estava funcionando, somente a amarela e o verde. Ontem mesmo, 16 dias após o acidente, passamos por lá e verificamos que o problema continua da mesma maneira”, afirma o delegado.

Até o momento, conforme a investigação da 1ª Delegacia de Polícia, o motorista ainda não foi localizado. Ele fugiu sem prestar qualquer socorro à vítima.

Acidente – No dia 23 de fevereiro, às 22h30, no cruzamento da avenida Fernando Correa da Costa com a rua 14 de Julho, Félix foi atropelado enquanto atravessava a rua.

A vítima foi jogada a 30 metros de distância. “Parentes, amigos e até vizinhos sabem que o carro está danificado e podem denunciar. É um modelo Hatch, de cor clara. Faltou humanismo por parte do motorista, que fugiu sem prestar socorro”, disse a delegada.

Quem souber informações do motorista e da placa do veículo pode entrar em contato com a 1ª Delegacia de Polícia, nos telefones (67) 3312 – 5704 e (67) 3312 – 5735.

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions