ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, QUARTA  29    CAMPO GRANDE 17º

Capital

Crianças compartilham mesma colher em almoço de escolinha no Canguru

Por Lucia Morel e Mirian Machado | 24/05/2022 16:09


Empresa de recreação no Bairro Jardim Canguru, em Campo Grande, foi denunciada ao Campo Grande News por falta de higiene e cuidados sanitários adequados com as crianças atendidas. Privado, o local atende, segundo mãe que procurou a reportagem, em período integral, das 6h às 19h e oferece almoço e janta.

O problema relatado foi justamente na hora do almoço. Vídeo mostra as crianças aglomeradas em frente a um só prato e os adultos responsáveis dando o alimento na boca de cada uma delas, mas usando apenas uma colher. Mãe que procurou o Campo Grande News relatou que a filha teve estomatite semanas atrás e ela acredita que foi devido à falta de higiene do local.

Revoltada, ela disse que tirou a filha do espaço, onde foi matriculada este ano. “Ontem, recebi vídeos e áudio de uma colega. Mas ainda bem que os recebi. Ela não voltará mais pra lá, porém, acho muito importante alertar outras mães sobre as condições que nossos filhos ficam/ficaram lá. Lamentável”, ressaltou.

Outras imagens mostram ainda bebês tomando banho em tanque e um outro preso ao bebê conforto, no chão, amarrado pelo próprio cinto de segurança do aparato. Nos áudios, a mãe comenta que a parte mais lamentável, no entanto, é justamente a alimentação com apenas um talher, que era compartilhado entre as crianças.

A reportagem entrou em contato com a creche e com a proprietária por ligação e por mensagem na segunda-feira, mas não houve retorno. O Campo Grande News também foi até a sede do centro de recreação, na tarde desta terça, mas não foi atendido.

Por interfone, perguntou-se pela proprietária e informaram que ela não estava. Assim que a reportagem se apresentou, desligaram o aparelho. Homem que não se identificou também filmou o trabalho do Campo Grande News e questionou a presença mesmo sem passar demais informações.

A empresa não será identificada e nem mesmo a mãe em cumprimento às normativas dos artigos 143 e 247 do ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente).

Direto das Ruas - Essa situação chegou ao Campo Grande News por meio do canal Direto das Ruas, meio de interação do leitor com a redação. Quem tiver flagrantes, sugestões, notícias, áudios, fotos e vídeos pode colaborar no WhatsApp pelo número (67) 99669-9563.

Clique aqui e envie agora uma sugestão.

Para que sua imagem tenha mais qualidade, orientamos que fotos e vídeos sejam feitos com o celular na posição horizontal.

Nos siga no Google Notícias