A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

04/03/2015 17:49

Dengue cresce 80%, espalha-se no interior e vira epidemia em 12 cidades

Alan Diógenes

A SES (Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso do Sul) divulgou nesta quarta-feira (4) um novo boletim epidemiológico da dengue no Estado. O levantamento revelou que os números da doença cresceram 80%, tem se espalhado pelas cidades do interior e já virou epidemia em 12 cidades. Até março do ano passado, foram 2,9 mil notificações,contra 4,9 mil neste ano.

Duas mortes já foram confirmadas nos municípios de Corumbá e Paranhos. Outra morte está sendo investigada em Corumbá. Os dados revelam que antes de mesmo de começar, o mês de março já teve 119 casos confirmados de dengue, sendo que o mês todo de fevereiro contabilizou 675 e janeiro 205 casos.

As cidades com alta incidência de casos são: Iguatemi, Selvíria, Itaquiraí, Sete Quedas, Paranhos, Sonora, São Gabriel do Oeste, Brasilândia, Naviraí, Chapadão do Sul, Eldorado e Três Lagoas. Outros treze municípios tiveram média incidência e 54 com baixa incidência de casos.

O levantamento foi realizado no dia 22 ao dia 28 de fevereiro deste ano e atualizado nesta quarta-feira (4). Apesar dos números, a pesquisa revelou que o número de casos de dengue caiu do ano de 2010 até agora. Em 2010 foram 82.597 casos; em 2011, 15.506; em 2012, 16.506; em 2013, 102.026; em 2014, 9.256 e neste ano foram registrados até agora 4.940.

A maioria dos casos registrados são do tipo 1 da doença, ou o infectado pode ter sangramos ou não e sem a presença de hipotensão, ou seja, pressão baixa. Somente a cidade de Selvíria registrou um caso de tipo 2 da doença, onde a pessoa pode ter sangramentos de pelo. Já a Capital registrou um caso de tipo 4, quando o paciente apresenta pressão baixa, choque, sangramentos e comprometimento dos órgãos.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions