A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 26 de Abril de 2019

08/01/2019 16:58

Em estado grave, criança queimada em incêndio não passará por cirurgia

Criança passaria por cirurgia para a retirada de peles mortas, que ajudaria na evolução da queimadura por meio de curativos

Kerolyn Araújo
Incêndio ocorreu na sexta-feira (4) em uma casa no bairro Polonês. (Foto: Kísie Ainoã)Incêndio ocorreu na sexta-feira (4) em uma casa no bairro Polonês. (Foto: Kísie Ainoã)

O menino de 8 anos que teve 85% do corpo queimado em um incêndio na última sexta-feira (4) no bairro Polonês, em Campo Grande, não passará mais por cirurgia de desbridamento devido à gravidade do quadro clínico.

Conforme informações da Santa Casa, a cirurgia seria para a retirada das peles mortas, que ajudaria a evolução da queimadura por meio de curativos. Porém, devido à gravidade do caso, ela precisou ser cancelada.

A criança segue internada na UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) sedada e entubada.

O caso - Conforme informações da mãe da criança, Julema Silva, 62 anos, o filho, acompanhado do irmão de 7 anos e de outra criança de 12, estava brincando com um isqueiro.

Ela percebeu a ação, pegou o objeto e guardou. Ela diz que em seguida, foi tomar banho e, pouco tempo depois, percebeu que o imóvel estava pegando fogo. Um vizinho, que trabalha em uma lanchonete ao lado da casa, foi quem pulou o muro e resgatou o menino, já atingido pelas chamas na varanda.

O menino foi socorrido pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e ainda durante o transporte foi entubado e em uso de manta térmica e sedado.

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions