A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

28/05/2011 10:58

Familiares e amigos de Marielly fazem manifestação e distribuem panfletos no centro da cidade

Vanda Escalante e Paula Maciulevicius

Jovem de 19 anos está desaparecida há uma semana

Mãe faz apelo por qualquer notícia sobre Marielly. (Foto: João Garrigó)Mãe faz apelo por qualquer notícia sobre Marielly. (Foto: João Garrigó)

Na manhã deste sábado (28), cerca de 30 pessoas, entre familiares e amigos de Marielly Barbosa Rodrigues, 19 anos, distribuíram panfletos na Avenida Afonso Pena, no centro da cidade, com a foto, informações e telefones para contato, reforçando a busca por notícias da garota desaparecida há uma semana no bairro Petrópolis, em Campo Grande.

Trajando camiseta com a foto de Marielly, os participantes fizeram apelo para sensibilizar e pedir ajuda à comunidade. “Quem tiver qualquer informação não precisa nem se identificar, é só ligar para a polícia”, apela a mãe de Marielly, Eliane Rodrigues (39).

Bastante comovida, Eliane relata a angústia dos últimos dias: “Não temos nenhuma informação até agora, nada de concreto. A polícia continua investigando, mas até agora nada. Muita gente liga, passa trote, fica brincando com os sentimentos da família, e isso tem sido terrível. Eu espero que as pessoas entendam a nossa situação e ajudem a encontrar a minha filha”, desabafa.

A irmã, Mayara Bianca (22), e o pai de Marielly, Marcos Antonio Rodrigues (39), também participaram do manifesto. O pai da garota, que mora em Alto Taquari (MT), veio para Campo Grande no domingo passado (22), quando soube do desaparecimento da filha. “A gente não se via tinha uns 50 dias, mas conversávamos constantemente, às vezes duas ou três vezes por dia, e quando ela não ligava, mandava mensagem, nunca ficou sem dar notícias”, diz o pai.

Willian Barbosa, 24 anos, namorado de Marielly há pouco mais de dois meses, também participou do manifesto. Ele conta que os dois se viam todos os dias e que, no dia do desaparecimento, Marielly tinha combinado de ir à casa dele depois que visitasse uma amiga no bairro Silvia Regina. “Só que ela não apareceu nem na casa da amiga. A gente estava bem, não brigamos nem aconteceu nada de diferente”, garante Willian, fazendo questão de dizer também que não procedem as notícias de uma suposta gravidez de Marielly.

Participantes usaram camisetas com os telefones para contato. (Foto: João Garrigó)Participantes usaram camisetas com os telefones para contato. (Foto: João Garrigó)

A melhor amiga, que contou que Marielly saiu de casa no sábado passado “para resolver um problema”, também participou do manifesto, mas não falou com a reportagem. “Minha filha é menor de idade e não vai dizer nada. Ela já falou com a polícia”, disse a mãe da garota.

Marielly saiu da casa dela no final da tarde do último sábado (21), a pé, vestindo uma bermuda jeans e uma blusa cor-de-rosa, e usando uma bolsa azul. Não foi mais vista nem entrou em contato com a família ou os amigos. Quem tiver qualquer tipo de informação que possa ajudar a encontrar a garota pode ligar para (67) 3318-9000.



Eu tive o prazer de conhecer a Mariely e tenho certeza que pela educação,responsabilidade que ela demonstrou, alguém a esta
detendo em algum lugar. Mas somente DEUS para aliviar a dor,
o sofrimento que a família e amigos estão sentindo. E tenham
fé porque ela vai voltar, sã e salva com aquele sorriso tímido..
Força e esperança.
 
Ceilde Lima em 08/06/2011 02:39:24
Peço a Deus que conforte o coração de todos da familia e dê forças para que juntos consigam encontrar Mariely, não desanimem e tenham fé sempre... Imagino a angustia e a preocupação de cada um, acredito que mais dias menos dias ela aparecera, trazendo a paz para o corações de cada um de vcs...Um abraço...Estou acompanhando e torcendo para que dê tudo certo...
 
Camila Lima Sozin em 01/06/2011 09:01:31
estou torcendo para que a Marielly seja encontrada pois e duro ver o olhar de mãe sofrendo pela filha embora que não sou nada da familia mas estou muito comovida mas que DEUS lhe abençoe a todos e continuarei acompanhado o caso...
 
nikole batysta em 30/05/2011 10:17:43
Se Deus quiser logo essa menina vai aparecer com vida. Força a familia dela principalmente p/ a mãe q tanto sofre. Estamos todos em uma corrente de oração pela Marielly e pela familia. E aos Idiotas, q naum tem o q fazer é melhor cuidar da vida d vocêis e cassarem o q fazer ao ao invês q ficarem passando trote vcs iam gostar se fosse com a familia d vcs. Q a Justiça dos homens e a de Deus seja feita. Abraços
 
Márcia Silva em 30/05/2011 09:16:06
Estaremos fazendo orações pedindo por ela.... juntos em corrente a Deus para a presença dela .... força .... que Deus guie o caminho ....abraços
 
ROSANA DE JESUS COSTA em 28/05/2011 12:56:41
imbecis sem-noção que ficam passando trote. vamos ajudar a familia, se não pode ajudar não atrapalha.
Tomara que a Pol. Cívil esteja totalmente empenhada em esclarecer este desaparecimento o quanto antes. Forças à família!!


 
FAbio rodruiguez em 28/05/2011 11:49:07
Deus permitirá que essa menina volte bem e logo ao convivio dos seus familiares. Aqui no meu prédio já está sendo feita uma campanha, colocaram fotos dela nos elevadores.Um grande abraço a todos da família, principalmente para a mãe, sou mãe de três e sei o quanto deve estar sendo difícil para ela, não me imagino nesta situação. Que Jesus tenha misericórdia... Amém...
 
DANIELLI PONTES em 28/05/2011 07:47:11
Gente, não é possível uma pessoa desparecer, evaporar dentro de uma cidade do tamanho de Campo Grande, ou seja um ovo, isso é inadmissível em pleno século 21,owwwwwwwwwwwwww Polícia Civil, vamos meter o pé no acelerador e fazer jus aos bons salários
 
Gustavo Cesar em 28/05/2011 05:31:49
Estamos muito tristes e esperamos que Marielly esteja bem e a qualquer momento seja encontrada.
 
Fausta da Costa Rodrigues (Mineiros, Goiás) em 28/05/2011 04:53:14
Senhor Deus conforte o coração dessa mãe angustiada em busca de noticias de sua filha e de dom e sabedoria para que pessoas se esforcem o que podem para encontrarem essa moça.
 
geiza marta em 28/05/2011 02:53:13
Dá um dor no coração ver a desolação de uma mãe como Eliane Rodrigues, que ano passado viu a sobrinha falecer com câncer e em janeiro deste ano se despediu da avó, mãe de sua mãe Jacira, que também faleceu em Costa Rica. Eu que convivi nos anos 60 com essa família e com a qual mantenho forte amizade, também sofro, aqui em Goiânia, e espero um bom desfecho para o caso de Marielly.
 
Josias Dias da Costa em 28/05/2011 01:23:42
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions