A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

05/10/2011 18:07

Em novo local e sem rejeição, agora são dogueiros que reclamam

Nadyenka Castro e Paula Maciulevicius

Eles estão nas dependências da antiga rodoviária e dizem que o imóvel está sujo e sem energia elétrica. Comerciantes aprovam novos vizinhos

Dogueiros querem melhorias na estrutura da antiga rodoviária, atual local provisório dos lancheiros. (Foto: João Garrigó)Dogueiros querem melhorias na estrutura da antiga rodoviária, atual local provisório dos lancheiros. (Foto: João Garrigó)

Com endereço provisório agora nas dependências da antiga rodoviária de Campo Grande, os dogueiros dessa vez tiveram a presença aceita, mas, agora, são eles que reclamam do local.

”Aqui não tem condições de trabalhar. Não tem energia, a gente mexe com comida. Olha a sujeira que está aqui”, diz Emerson Nascimento, presidente da Amval (Associação Municipal dos Vendedores de Lanches).

Ele explica que os comerciantes chegaram para trabalhar nos canteiros da avenida Afonso Pena, na noite dessa terça-feira, e encontraram o local já com o acesso proibido e que agora estão se sentindo “tocados”.

”O prefeito nem nos avisou. Aqui não tem estrutura adequada. Como a gente vai mexer com comida?”, questiona Emerson, que fala ainda que o teto do imóvel está com infiltração, há sujeira no chão e não há energia elétrica.

”Não tem condição para mexer com alimento aqui. O pessoal da saúde [Vigilância Sanitária] não vai sair daqui”, diz Eugênio Espíndola, 53 anos, referindo-se ao fato de que devido à estrutura inadequada, a fiscalização sanitária vai estar diariamente no local.

Má fama Os dogueiros reclamam ainda que devido ao fato da região da antiga rodoviária ser apontada como local de tráfico de drogas, muitos famílias vão deixar de ser clientes. “Família nenhuma vai querer vir aqui”. “Não é só porque é provisório que precisa ser precário”.

”Agora, vão falar assim, vamos lá comer um lanche na boca”, fala Manoel Eugênio do Prado, 57 anos, em referência a ponto de comercialização de entorpecentes.

Prejuízo - Os dogueiros dizem também que vão ter prejuízo com os dias parados.

Euros Cláudio do Nascimento declara que a classe não pode ficar mais de dois dias sem trabalhar porque, além de contas pessoais, todos têm funcionários e fornecedores para pagar. “Eu, por exemplo, tenho seis funcionários”.

Emerson explicou que já foi feito sorteio da posição dos trailers de lanches. Para ele, uma opção para melhorar o espaço seria fazer uma espécie de praça de alimentação ao ar livre.

Protesto- O comerciante Euros Cláudio afirma que se não for feita uma reunião para definir melhorias na estrutura da antiga rodoviária a categoria irá fazer uma manifestação. “Iremos engatar o trailer e parar em frente à prefeitura. Essa é a nossa decisão”, afirma.

O enredo - Os ‘lancheiros’ precisaram sair da Afonso Pena devido à reformulação no canteiro central. Desde 2009 os comerciantes sabiam que precisariam sair e o local escolhido para novo endereço foi a Orla Ferroviária.

Mas como a via ainda está em obras, os dogueiros estão sem endereço definitivo. Primeiro foi citado o Horto Florestal, mas o MPE (Ministério Público Ambiental) impediu alegando danos ao meio ambiente.

Depois, o local escolhido pela Prefeitura foi a Praça Aquidauana. Moradores e comerciantes da região não aceitaram e agora os trabalhadores foram para a antiga rodoviária.

”Não foi bem negociado o Horto Florestal. A Praça Aquidauana a gente falou que era para negociar com os moradores antes, mas, a Prefeitura achou que era só chegar lá e começar a quebrar tudo”, resume Emerson.

Os comerciantes do antigo terminal rodoviário aprovam os novos vizinhos e dizem que com eles lá, o movimento nas lojas irá aumentar.

Nelsinho Trad diz que Praça Aquidauana será ponto de lazer após revitalização
O prefeito de Campo Grande, Nelsinho Trad (PMDB), disse ontem à noite, durante balanço do programa MS Forte, no Centro de Convenções Rubens Gil de Ca...
Dogueiros, moradores e democracia
Com o inicio das obras da revitalização da Afonso Pena e o fim do estacionamento de 45 graus na avenida - uma boa medida, é oportuno frisar -, torna-...
Moradores da Praça Aquidauana vão até a Câmara Municipal discutir instalação de dogueiros
Uma comissão formada por moradores da região da Praça Aquidauana, centro de Campo Grande, será recebida às 18h30 de hoje por vereadores na Câmara Mun...


Prof.E,Eugenio tem um que se chama Manuel depois Eugenio só p variar.mas na antiga rodoviaria,tinha um posto policial que pode ser reativado com mais policiais,tem guarda municipal p ajudar, e retirando o comercio de sexo e drogas ,até que é um lugar bom depois de ser reformado, e bem pintadinho como lanchonetes, sem infiltrações,todos limpando,até eu vou me tornar cliente assidua dos dogueiros.
 
Dejanira sousa em 06/10/2011 10:15:09
Nada contra a manifestação,mais tem muitos desinformados que não leu a matéria direito;já foi dito que desde 2009 os dogueiros sabiam da reforma na Av.Afonso Pena,porque não se adiantaram,agora querem se fazer de vítimas...
 
Edieverson Dias Izidoro em 06/10/2011 09:56:30
Meu Deus!!! Trabalhar na rua com toda aquela poluição dos carros, pombos, poeira ...porque será que lá era melhor que o atual local???Na certa querem uma sala num dos shoppings da cidade.
 
Rosa Marlene da Silva em 06/10/2011 08:50:41
Esse pessoal tem que se conformar mesmo, oras, não pagam impostos, e ficam querendo exigir ótimas infra-estruturas. Porque não vão abrir suas lanchonetes, com pontos fixos, pagar impostos, como tantos outros? ou então porque não vão abrir seus trailers em frente às suas próprias casas? talvez porque nem os vizinhos desses dogueiros os querem por perto. Tão colhendo o que plantaram: bagunça!
 
Carol Oliver em 06/10/2011 08:49:32
MEU DEUS ATE QD VAI O CAPITULO DOS DOGUEIROS?
OLHA E LAMENTAVEL UMA CAPITAL CUJO ESTADO SE DIZ DE PROGRESSO
MEUS AMIGOS DOGUEIROS QUEM VAI IR NA ANTIGA RODOVIARIA COMER? NINGUEM.. E É CLARO Q NAO É PELO LANCHE QUE E OTIMO.
SABE PORQUE EU NAO VOU PORQUE PERIGA EU GANHAR DE BRINDE UM ASSALTO ALI NA REGIAO ... ALI TEM MUITA DROGA...
OLHA AMIGOS QUALQUE DIA VCS VAO SER MANDADOS LA PRO ANEL VIARIO
 
jose artigas em 06/10/2011 08:38:44
Qualquer que seja a situação, comercial ou residencial, ninguem pode ser despejado sem aviso prévio, praso minimo de 30 dias,os dogueiros terão que entrar com ação judicial pedido de perdas e danos c/c com danos morais. Antes de ser dogueiros eles são cidadão e terão que ter respeitado tanto o dto de cidadania quanto de trabalhador , pois eles exercem um trabalho licito onde busca seus sustento.
 
porfirio vilela em 05/10/2011 10:19:25
rapaz, esse povo ai nao paga imposto, a nao ser sobre os alimentos comprados, fazem a maior bagunça e sujeira, sujam a imagem da capital morena, e ainda ficam fazendo doce, parem com isso "bando", aceitem o que estao lhes ofertando, ja gastaram meu dinheiro no horto, na praca aquidauana, o que ais querem heim ?
 
jose carlos em 05/10/2011 09:14:09
Não tiro a razão dos "dogueiros" que querem um local decente para trabalhar e cumprir com seus compromissos mas dou apenas um conselho a eles: antes de engatarem seus trailer e pararem em frente a prefeitura dêem uma olhada na documentação dos mesmos....digo, daqueles que tem alguma pois em sua maioria são todos irregulares junto ao DETRAN, ou terão os mesmos recolhidos e não poderão trabalhar.
 
Gladis Caramalac em 05/10/2011 09:11:34
bêbados,drogados,etc...trancando a rua. Quase não consegui sair c/carro, devido a obstrução. Foi alguns minutos de terror,nunca passem por ali após às 00h.
Era para ser um excelente local, se fosse feito reformas no prédio e tirassem os desocupados da região.
Faz-se necessário Posto Policial, com policiamento efetivo fazendo rondas nas imediações.Isso daria mais segurança a população geral.
 
neyde de oliveira em 05/10/2011 07:42:18
Imagino a situação desses trabalhadores, com contas para pagar e essa indecisão.
A Prefeitura, deveria primeiramente conseguir um local "adequado" para nossos queridos dogueiros. Não desapropriar, depois procurar uma área para instalar seus traillers.
Concordo que essa antiga rodoviária é um Horror..dias atrás fui cortar caminho à noite, passei na frente desse prédio e levei um susto, prostitutas
 
neyde de oliveira em 05/10/2011 07:31:10
Olha a coincidência, o nome de todos os entrevistados começa com a letra E... abçs

 
Prof. Eugênio da Silva Pavão em 05/10/2011 06:43:03
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions