A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 20 de Agosto de 2018

08/09/2015 08:10

Escola é reformada com mão de obra e parte dos salários de presos

Luana Rodrigues
A reforma da escola será inaugurada nesta quarta-feira(09). Foto: Divulgação)A reforma da escola será inaugurada nesta quarta-feira(09). Foto: Divulgação)

Presos dos regimes aberto e semiaberto da Capital, reformaram a Escola Estadual Flavina Maria da Silva, localizada na rua Centro Oeste, nº 40, no Jardim Botafogo. O colégio é a quarta instituição de ensino estadual reformada pelo Projeto Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade. O investimento na obra foi de R$ 100 mil, recurso adquirido a partir do desconto de 10% do salário dos presos que foram encaminhados ao mercado de trabalho pelo Estado.

Na reforma foram reconstruídos o calçamento do pátio da escola, o telhado de uma sala de aula que estava com sua estrutura comprometida e instaladas tubulação e grades para escoamento da água da chuva, além de coberturas metálicas para proteger alunos e servidores em sua locomoção dentro da escola. Também houve a revitalização de espaços, colocação de forros, reforma geral de banheiros, da parte hidráulica e elétrica, e a pintura.

O projeto conta com a parceria da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen) e Secretaria de Educação do Estado. O desconto compulsório no salário dos presos está previsto na Lei de Execução Penal (LEP) e foi regulamentado pelo juiz Albino Neto.

A reforma da escola será inaugurada nesta quarta-feira(09), e irá contar com a presença do presidente do Tribunal de Justiça, desembargador João Maria Lós, do governador de MS, Reinaldo Azambuja, e do idealizador do projeto, juiz Albino Coimbra Neto, titular da 2ª Vara de Execução Penal de Campo Grande.



MEU DEUS QUE NOTÍCIA BOA, POR QUE ESSA NOTÍCIA NÃO ESTÁ NA CAPA?
 
Simplificador em 08/09/2015 10:36:26
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions