A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

22/02/2016 11:15

Esquema de tráfico na Capital leva polícia a prender quadrilha no interior

Luana Rodrigues
Drogas, armas e celulares apreendidos pela polícia. (Foto: Marcos Ermínio)Drogas, armas e celulares apreendidos pela polícia. (Foto: Marcos Ermínio)
José Clóvis, Isaac Julião, Jorsiney de Figueiredo e Wallace Mendes, presos em flagrante. (Foto: Divulgação/ PC)José Clóvis, Isaac Julião, Jorsiney de Figueiredo e Wallace Mendes, presos em flagrante. (Foto: Divulgação/ PC)
Delegado titular da Denar, Rodrigo Guiraldelli Yassaka. (Foto: Marcos Ermínio)Delegado titular da Denar, Rodrigo Guiraldelli Yassaka. (Foto: Marcos Ermínio)

Quatro pessoas foram presas em flagrante por tráfico de drogas durante operação da Denar (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico), no Centro de Corumbá, cidade distante 419 quilômetros de Campo Grande. A ação denominada como "Ali Babá", foi realizada na semana passada, mas as investigações já haviam começado há quatro meses.

Conforme o delegado titular da Denar, Rodrigo Guiraldelli Yassaka, os policiais saíram da Capital e foram até a cidade fronteiriça depois de descobrirem que uma quadrilha estava armazenando grande quantidade de cocaína em uma casa no Centro de Corumbá. Os policiais passaram a monitorar a residência, até que abordaram Jorsiney de Figueiredo, 24 anos, dono do imóvel.

Ele acabou confessando que fazia do local um depósito de cocaína e que receberia R$ 500 por isso. Depois de buscas pela casa a polícia encontrou, em um guarda-roupas, 40 quilos de pasta base de cocaína e 10 quilos da droga pura, tudo em tabletes. Essa quantidade de droga, segundo a polícia, é avaliada em R$ 450 mil.

A polícia permaneceu no local e logo Isaac Julião de Souza, 38 anos, chegou por lá. Questionado pela polícia, ele disse que era responsável pelo transporte da droga, e que entorpecente seria de seu cunhado Wallace Mendes Amorim, 28 anos, também conhecido como ‘Ali’.

Os policiais continuaram com as buscas e acabaram prendendo Wallace e José Clóvis da Silva, 41 anos, algumas horas depois. Segundo a polícia, os suspeitos confessaram o crime de tráfico e disseram que a droga era trazida para distribuição em Campo Grande e outros Estados do Brasil.

A operação foi denominada ‘Ali Babá’, já que, para a polícia, Wallace (Ali) era um dos líderes da quadrilha. Na ação, a polícia ainda apreendeu dois revólveres calibre 38, munições e R$ 450 em dinheiro. Os quatro presos vão responder por tráfico de drogas, associação para o tráfico, posse e porte ilegal de arma de fogo.

Veja o vídeo que mostra o andamento da operação e parte da confissão dos traficantes:



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions