A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

30/08/2014 09:01

Estudantes ficaram desesperados e choraram ao ver carros queimados

Filipe Prado e Luciana Brazil
Os veículos pertenciam a jovens que participavam de festa. (Foto: Luciana Brazil)Os veículos pertenciam a jovens que participavam de festa. (Foto: Luciana Brazil)
Uno foi um dos veículos destruído pelo fogo. Uno foi um dos veículos destruído pelo fogo.

Os carros destruídos por um incêndio no Bairro Rita Vieira pertenciam aos acadêmicos da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) e de outras instituições. Alguns universitários, que estavam na festa promovida pela Atlética de Engenharia da UFMS, ao se deparar com o incêndio, desesperaram-se, jogaram-se ao chão e choraram, revelaram os estudantes.

De acordo com os participantes do evento, por volta das 4h da madrugada de hoje (30), a festa, com cerca de mil pessoas, acabou, então eles se dirigiram a um dos estacionamentos, que estava localizado a cerca de 50 metros do local, quando viram o Corpo de Bombeiros apagando o incêndio.

O estudante Thiago Ferreira dos Santos, 21 anos, disse que as pessoas começaram a correr, ao ver as chamas, e retirar os carros do estacionamento. “Algumas pessoas se jogaram no chão e choraram”, contou.

 

Dos seis carros, quatro foram totalmente destruídos (Foto: Luciana Brasil)Dos seis carros, quatro foram totalmente destruídos (Foto: Luciana Brasil)

O veículo de Thiago, um Ford Ka, foi parcialmente atingido e teve a mangueira de combustível e a lateral danificadas. As chamas também derreteram a lanterna e para-choque traseiro do carro. O estudante não possui seguro e acredita que deverá gastar R$ 3 mil com o conserto. Além do Ford Ka, um segundo veículo ficou parcialmente destruído, mas não há informações sobre o carro.

Quatro veículos, o Fiat Uno, Celta, Hyundai I30 e o HB20, foram totalmente destruídos. O veículo Uno pertencia ao estudante de economia Pedro Morel Vieira De Souza, 21. “Na hora fiquei assustado ao ver o fogo, mas como tenho seguro, fiquei mais tranquilo”, revelou.

Para Thiago e Pedro o incêndio foi acidental. Um vizinho da Chácara Challenger, onde aconteceu a festa, contou que na tarde de ontem, colocaram fogo no terreno onde estava funcionando o estacionamento. Isso pode ter deixado algum resquício e, pelo tempo seco, o fogo reacendeu.

Apenas os proprietários dos carros Ford Ka e do HB20, que ficou completamnete destruído, disseram que os veículos não tinham seguro.

A polícia não soube afirmar as causas do fogo. Três hipóteses são investigadas: pane elétrica em um dos carros , bituca de cigarro e o tempo seco que pode ter reacendido a chama do fogo acesso no período da tarde.

A investigação não descarta a hipótese de que um cuidador de carros é que tenha colocado fogo no terreno, durante a tarde de ontem, para limpa-lo, para que mais carros pudessem ser colocados no local. 

Fogo destrói 4 carros de universitários durante festa em chácara
Quatro veículos foram destruídos e dois danificados em um incêndio em um terreno baldio no Bairro Rita Veira na madrugada de hoje (30). O terreno ser...
Em MS, chance de ser morta é 34% maior para mulheres negras
Mulheres negras de 15 a 29 anos correm 34% mais risco de serem assassinadas que mulheres brancas, na mesma faixa etária, em Mato Grosso do Sul. O dad...


Bom sabendo que houve a queima de material no terreno ao lado, os estudantes agora devem abrir processo contra os vizinhos que colocaram fogo no local, é sabido que é proibido colocar fogo nestes locais, mais as pessoas ainda insistem em fazer, agora peçam indenização aos responsáveis pela chácara que colocaram o fogo.
 
Oswaldo Ferreira em 30/08/2014 14:42:35
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions