ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, TERÇA  25    CAMPO GRANDE 22º

Capital

Expulso da PM por contrabando é preso transportando cocaína

Flagrante foi por volta das 11h de ontem, no km 454 da BR-163, no distrito de Anhanduí

Por Viviane Oliveira | 09/05/2024 11:59
Imagem mostrando a quantidade da droga apreendida foi anexada ao auto de prisão em flagrante (Foto/Reprodução)
Imagem mostrando a quantidade da droga apreendida foi anexada ao auto de prisão em flagrante (Foto/Reprodução)

O ex-policial Welinton Arce Espíndola, de 36 anos, expulso da PMMS (Polícia Militar de Mato Grosso do Sul) em 2021 por envolvimento com contrabando de cigarro, foi preso em flagrante transportando cocaína.

Ele seguia com uma mulher, de 35 anos, e os dois filhos dela, de 15 e 9 anos, quando foi flagrado por uma equipe da PRF (Polícia Rodoviária Federal), nesta quarta-feira (8), no km 454 da BR-163, no distrito de Anhanduí.

Conforme boletim de ocorrência, a PRF (Polícia Rodoviária Federal) fiscalizava o trecho, quando abordou o Hyundai HB20, de cor cinza, conduzido por Welinton. Durante os questionamentos, tanto o motorista quanto a passageira ficaram inquietos, o que levantou suspeita da equipe policial.

Eles alegaram que seguiam para Campo Grande, onde a criança tinha consulta marcada com oftalmologista.

Durante revista no carro, por equipes do Grupo de Operações com cães farejadores da PRF, foram encontrados pelos cães K9 Dallas e K9 Bred 25 quilos de cocaína, em compartimento oculto no painel do automóvel.

Indagado sobre a droga, Welinton alegou que iria exercer o seu direito constitucional de permanecer em silêncio. Já a mulher não apesentou nenhuma reação, afirmando que não tinha conhecimento do entorpecente. Ela já respondeu processo por tráfico de drogas. Os dois foram presos.

No carro, foram localizados R$ 487 em dinheiro e cheque no valor de R$ 5 mil. A adolescente e a criança ficaram sob a guarda do Conselho Tutelar.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias