A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

20/08/2012 08:58

Familiares de jovem morto a tiros nesta manhã acreditam em vingança

Paula Maciulevicius

Acerto de contas o qual a família se refere tem relação com o homicídio cometido por Evandro, em julho de 2006

Evandro levou os tiros em frente de uma panificadora na esquina das ruas Engenheiro Paulo Frontin e Caci Contar, no Los Angeles. (Foto: Simão Nogueira)Evandro levou os tiros em frente de uma panificadora na esquina das ruas Engenheiro Paulo Frontin e Caci Contar, no Los Angeles. (Foto: Simão Nogueira)

A família de Evandro Oliveira de Assis, 23 anos, que morreu por volta das 8h da manhã de hoje, depois de ser baleado por dois tiros em frente a panificadora onde costumava tomar café da manhã, acredita que a motivação do crime seja acerto de contas.

A esposa de Evandro, de 19 anos, que não quis se identificar conversou com o Campo Grande News e falou que ontem o marido recebeu a notícia de que havia gente atrás dele.

“Eu falei para ele não ir para a padaria. Todo mundo sabe que ele toma café da manhã lá, mas ele passou, como todos os dias de manhã”, dizia a jovem.

O acerto de contas o qual a família se refere tem relação com o homicídio cometido por Evandro, em julho de 2006, quando matou Everton Souza Ribeiro Miranda, na época com 24 anos.

“Quando ele tinha 16 anos ele matou um cara, era conhecido como Marrom. Agora o irmão dele vingou, com quatro tiros nas costas”, completa.

A família suspeita do irmão de Everton. A Polícia Militar realizou rondas pela região, mas até o momento ninguém havia sido preso.

Para a família, Evandro era outra pessoa e deixou uma filha de 3 anos. “Ele estava trabalhando, não andava armado, não fazia mais nada”, completa a mulher.

Evandro levou os tiros em frente de uma panificadora na rua Engenheiro Paulo Frontin com a Caci Contar, quando subia na motocicleta. Ele foi socorrido pelos familiares da esposa e os bombeiros pegaram a vítima em um posto de combustíveis na avenida dos Cafezais.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, dois tiros acertaram a vítima no tórax. O jovem teve uma parada cardiorrespiratória ainda na viatura, foi reanimado, mas logo depois não resistiu e morreu no UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Universitário.

Morre homem baleado no Jardim Los Angeles; vítima é identificada
Morreu a caminhado da UPA (Unidade de Pronto Atendimento Comunitário) do bairro Universitário o homem baleado no Jardim Los Angeles, em Campo Grande,...
Homem é assassinado a tiros no Los Angeles e suspeita é de vingança
A vítima, que tem o apelido de ‘corumbazinho’, ainda não foi identificada e é apontada como autora de homicídioUm homem foi morto a tiros na noite d...
Com inspiração japonesa, luzes vão iluminar compras no Centro
Iluminação especial passa a ser adotada, nesta quarta-feira (13), na região central de Campo Grande. Dezesseis estruturas de alumínio, com lâmpadas d...


A VIDA É ASSIM,TUDO QUE PLANTAMOS ISTO TAMBEM COLHEREMOS;
EM JANEIRO DE 2009 AQUI NO LOS ANGELES EU PERDI UM ENTE QUE AMO ATE HOJE,SAO LEMBRANCAS QUE FICOU NA MENTE E GRAVADA NO CORACAO,FOI SOMENTE UM TIRO,QUE TIROU A VIDA DO MEU IRMAO,NAO FOI ACERTO DE CONTAS;E SIM APENAS POR ENGANO NEM AQUI O MEU IRMAO VIVIA APENAS VEIO PASSAR O ANO NOVO;O RAPAZ CONFECOU O CRIME E DISSE QUE NUNCA TINHA VISTO ELE NO BAIRRO E POR ISTO ESTA PRESO ATE HOJE,MAS SEJA A VONTADE DE DEUS SOBRE A VIDA DELE E QUE ISTO NAO ACONTECA COM SEU FILHO OU ATE COM ELE MESMO.PORQUE POR MAIS QUE A PESSOA SEJA ASSINO;LADRAO E ETC...A DOR É MUITO GRANDE E SÓ DEUS PODE DAR O CONFORTO PARA CADA UM...
FIQUE COM DEUS
 
daiane morande em 14/03/2013 18:05:58
Senhores governantes priorizam a segurança no Jd. Los Angeles. Por favor, já não aguentamos mais tanta violência...
 
Alex Amorim em 21/08/2012 12:30:50
Tatiane, respeito sua opinião. Sincerament. Mas a familia do q foi morto em 2006 continua com 1 parente morto por assassinato, e o Evandro, mesmo mudando d vida, mudou só a dele. Ele se arrependeu? Foi numa igreja confessar? Foi à justiça pedir pra ser preso p/ pagar pelo crime q cometeu? Eu não sei. Vc sabe?
A vida da familia do q morreu em 2006 mudou com certeza. Sabe me dizer se foi pra melhor?
 
Branco Cesar em 21/08/2012 08:42:34
tatiane scuteri, vc que esta equivocada... Fala isso pq ele nao matou um ente seu, pq se ele tivesse matado um parente seu tenho crtza q a conversa seria diferente. Concordo que as pessoas mudam, mas ele pagou pelo que fez na mesma moeda, vez que a pessoa com 16 anos nao paga do jeito que um imputavel pagaria.
 
Gustavo Oliveira em 21/08/2012 07:43:38
As leis no Brasil são um incentivo para o crime, indivíduo matou em 2006 e já estava solto, e o outro vendo que matar não dá cana resolveu fazer justiça com as próprias mãos. E os nossos parlamentares são os grandes culpados do crimes no país... até quando teremos leis frouxas no país !!!???
 
Angelo Fantin em 20/08/2012 12:05:12
Que final triste por isso temos que pensar infelismente é a Lei da vida o que se planta se colhe, um rapaz novo deixou mulher e filho infelismente tentou rever os conceitos da vida e mudou mas errou no passado meus pessames a familia...
 
Daiane Esquian em 20/08/2012 11:11:23
ate quando teremos que conviver com a violencia no jardim los angeles. TENHO DOIS FILHOS ADOLESCENTES ESTOU MUITO DESESPERADA E PREOCUPADA (SEGURANÇA) SOCORRO....................................... AGORA EM PLENA LUZ DO DIA...
 
catarina kistner em 20/08/2012 10:28:15
...O sangue destes jovens estão na mão de todos nós que votamos em vermes que dominam nossa mente com publicidade e migalhas durantes as eleições, nossa sociedade e fruto das nossas decisões, pensem....tanto os assassinos como as vitimas são produtos de uma sociedade ignorante e mesquinha que acredita no tal "jeitinho brasileiro"de resolver as coisa e acaba se enganando...não vote em bandidos....
 
nílmerson miranda em 20/08/2012 09:26:22
Dois a menos, no total.
 
Athaide Romero em 20/08/2012 09:24:17
não eu não sou amiga da familia.... eu só não acho justo depois de 6 anos ele morrer por uma coisa que ele fez e se arrependeu.... ele NÃO ERA BANDIDO. só isso o que ele fez na adolescencia dele ele ja pagou.... ele era uma homem totalmente normal que tinha o seu trabalho e sua familia....
 
tatiane scuteri em 20/08/2012 07:39:50
Quando e pra ser será,+ se tinha mudado ,pq desafio sua morte,pq fico no bairro
q sabia q estava sendo ameaçado,meus pesames a família e pricipalmente a mulher dele.mas q Deus mantenha em um bom lugar,pq merece a vida eterna,por te mudado de vida no presente.
 
julia dias em 20/08/2012 06:20:18
Tatiane ou vc é da família ou muito amiga do falecido, por que se fosse do que morreu em 2006, estaria com outra conversa. ACORDA
 
elia bento em 20/08/2012 06:17:01
GOSTARIA DE FALAR A TODOS QUE LEÊM ESSA MENSAGEM, DIZ A PALAVRA DE DEUS, QUEM MATA MORRE, QUEM FAZ MAL, FAZ PARA SÍ MESMO, UM PECADO PUXA O OUTRO, IRMÃOS OS PECADOS SÓ SE CURA, NO ALTAR DE DEUS, A PESSOA TEM QUE SE BATIZAR NAS ÁGUAS E NO ESPÍRITO SANTO, NASCER DE NOVO, COMO NICODEMOS PERGUNTOU PARA JESUS, NASCER DE NOVO, PORTANTO QUEM FAZ AQUI, QUE CARREGUE SUA CRUZ, PORTANTO, LAVE-SE NO ALTAR DEU
 
pedro braga em 20/08/2012 06:04:43
Claro claro Tatiane, ele era bonzinho e eu sou o coelho da páscoa.
.
A pessoa para matar outra pessoa, pra se achar no direito de fazer tal ato, precisa ser muito, muito ruim, ter o mal dentro de si. Com exceção legítima defesa, eu nunca teria coragem de fazer uma coisa dessas, não importa o motivo...
.
Pra mim e pra maioria das pessoas, foi feita a justiça que o Estado nao fez.
 
Athaide Romero em 20/08/2012 05:19:32
athaide romero, vc está equivocado quando ele cometeu o crime ele era menor de idade, e quando diz que o menor pode se recuperar é a mais pura verdade.pq o evandro conhecido como chapolin se tornou outra pessoa, honesto e trabalhador, largou a vida do crime.. pra se dedicar a espoda e a filha linda..era um rapaz humilde, e um ótimo pai de familia, ele mudou completamente. não merecia esse fim
 
tatiane scuteri em 20/08/2012 04:09:59
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions