ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, DOMINGO  26    CAMPO GRANDE 13º

Capital

Feira Central cancela eventos, reduz cadeiras e cria serviço delivery

População pode ligar nas barracas, encomendar pedidos e buscar em espaço na Avenida Calógeras

Izabela Sanchez | 18/03/2020 10:01
Movimento intenso nesta imagem da Feira Central, aglomeração arriscada para o momento (Foto: Divulgação/PMCG)
Movimento intenso nesta imagem da Feira Central, aglomeração arriscada para o momento (Foto: Divulgação/PMCG)


A Feira Central, principal espaço gastronômico de Campo Grande, alterou o funcionamento do espaço em razão da pandemia de coronavírus que já começa a surgir na cidade, com 6 casos confirmados até agora. Começa a valer a partir de agora distanciamento entre as cadeiras nas barracas e serviço delivery para retirada de alimento pedido por telefone.

Além disso, a Feira cancelou eventos. O 13º Festival do Peixe da Feira Central e a 2ª Feira Cristã foram adiados, ainda sem data para acontecerem. Conforme comunicado da Afecetur (Associação da Feira Central, Cultural e Turística de Campo Grande) os eventos que aconteceriam de 5 a 12 de abril foram suspensos.

“A realização do Festival que tradicionalmente atrai o público da capital, do interior de Mato Grosso do Sul, e também turistas de estados vizinhos, acontecerá após o período crítico de transmissão da doença. Informações sobre nova data serão dados em breve”, informa a associação.

Todas as medidas estabelecidas pelo decreto municipal serão cumpridas, segundo o comunicado. A associação também afirma que os estabelecimentos ganharam álcool em gel 70% e informativos de como será realizada a higienização das mãos. A associação ainda afirma que cada estabelecimento pode decidir liberar férias coletivas.

Cadeiras e delivery – Para evitar que o vírus se espalhe, as mesas dos restaurantes foram reduzidas de número e ganharam espaçamento de 1,5 metro. Além disso, a administração criou espaço delivery na entrada pela Rua Calógeras. Neste local, o cliente apenas vai pagar e retirar o produto.

Para pedir, o cliente deve ligar no restaurante específico ou mesmo nas barracas de verduras e frutas, que também vão disponibilizar os produtos no espaço de retirada. “A Feirona possui espaço físico arejado, parcialmente aberto, possibilitando maior circulação de ar no ambiente. Mesmo assim, será elaborado um espaço para delivery na entrada da Rua Calógeras para os clientes que preferirem atendimento e entrega de produtos nesse espaço, especialmente de verduras e frutas”, diz o comunicado.

Horários de funcionamento da Feira Central (Imagem: Reprodução)
Horários de funcionamento da Feira Central (Imagem: Reprodução)

Expediente da feirona - Por enquanto, o horário da feira continua o mesmo, mas a assessoria de imprensa da associação já adiantou que os horários devem ser alterados. Confira na imagem ao lado os horários  de funcionamento.

As apresentações culturais que ocorrem semanalmente também foram suspensas “para evitar aglomerações”. “As apresentações ainda não têm data para retorno. Por enquanto, essas são as definições de funcionamento da Feira Central, mas que podem ser reavaliadas e modificadas a qualquer momento, havendo necessidade”, destaca a associação.

Nos siga no Google Notícias